CineBuzz
Cinema / Premiações / ESNOBADA!

Grammy 2021: Entenda o motivo de Lady Gaga não ter sido indicada em "Álbum do Ano"

Artista era um dos nomes cotados para a categoria com o disco "Chromatica"

Redação Publicado em 25/11/2020, às 16h18

Lady Gaga no clipe de "911" - Reprodução/YouTube
Lady Gaga no clipe de "911" - Reprodução/YouTube

Lady Gaga recebeu duas indicações no Grammy 2021, conforme lista divulgada pela Academia na terça-feira (21). A artista irá concorrer em Melhor Álbum Pop por "Chromatica" e Melhor Performance Pop de Dupla ou Grupo por "Rain on Me", single em parceria com Ariana Grande.

No entanto, a ausência da cantora nas principais categorias, como Álbum do Ano, deixou os fãs revoltados. Uma possível explicação vem de uma matéria feita pelo jornal Los Angeles Times, veiculada em setembro. Na ocasião, o veículo afirmou que só haveria espaço para um disco do gênero dance music na disputa.



A vaga em questão seria ocupada por Lady Gaga ou Dua Lipa. A dona do "Future Nostalgia" levou a melhor, embora os méritos de ambos os discos fossem reconhecidos pelos membros votantes da Academia.

+Leia mais: Elton John defende The Weeknd após desprezo do Grammy: "Música do ano"

Em um ano em que fãs de dance music não tinham onde dançar, Lady Gaga e Dua Lipa fizeram excelentes projetos inspirados em clubes, que equilibram batidas fortes e composições clássicas. Espere que uma delas consiga uma vaga em Álbum do Ano, mas não ambas”, publicou o Los Angeles Times.

A categoria Álbum do Ano, a mais disputada da premiação, será decidida por “Chilombo”, da Jhené Aiko, que é classificado como R&B. “Black Pumas”, da banda homônima, soul. “Everyday Life”, do Coldplay, como pop rock. “Djesse Vol. 3”, do Jacob Collier, também é do gênero R&B/soul. “Women In Music Pt. III”, do Haim, é um disco de indie pop. “Hollywood’s Bleeding”, do Post Malone, hip-hop. “Folklore”, da Taylor Swit, é folk. Dance music será representada por Dua Lipa.