CineBuzz
Cinema / EITA!

Benedict Cumberbatch se arrepende de papel não-binário em "Zoolander 2"

Filme sofreu boicote e uma petição arrecadou mais de 25 mil assinaturas

ANGELO CORDEIRO | @ANGELOCINEFILO Publicado em 01/02/2022, às 13h40

Benedict Cumberbatch se arrepende de papel não-binário em "Zoolander 2" - Divulgação/Paramount Pictures
Benedict Cumberbatch se arrepende de papel não-binário em "Zoolander 2" - Divulgação/Paramount Pictures

O ator Benedict Cumberbatch admitiu, em entrevista à Variety, ter se arrependido de interpretar a modelo não-binária All em "Zoolander 2", comédia escrita e dirigida por Ben Stiller.

"Houve muita disputa pelo papel, e atualmente é compreensível", disse Cumberbatch. "E acho que, hoje, meu papel jamais seria interpretado por alguém que não fosse um ator trans. Lembro que na época não pensei necessariamente nesse sentido, mas o tiro saiu pela culatra", revelou.

O filme foi acusado de transfobia e sofreu boicote promovido por ativistas da causa LGBTQIA+. Uma petição online contra "Zoolander 2" alcançou 25 mil assinaturas.

Se os produtores e roteiristas de Zoolander quisessem fornecer comentários sociais sobre a presença de indivíduos trans/andróginos na indústria da moda, eles poderiam ter abordado modelos como Andreja Pejić para participar do filme”, dizia a petição.

Ao contratar um ator cis para interpretar um indivíduo não-binário de uma maneira claramente negativa, o filme endossa percepções prejudiciais e perigosas da comunidade queer em geral”. continuou o texto.

O filme chegou aos cinemas no mesmo ano em que Benedict Cumberbatch estreou como o Doutor Estranho na Marvel. A comédia foi um fracasso comercial, arrecadando apenas US$ 28 milhões nas bilheterias mundiais.