CineBuzz
Facebook CineBuzzTwitter CineBuzzInstagram CineBuzz
Cinema / LANÇAMENTO

Campanha em prol da preservação da cultura dos povos indígenas reúne músicos em mini-doc; confira o clipe

Arnaldo Antunes, Margareth Menezes e Zélia Duncan estão entre os artistas participantes

ANGELO CORDEIRO | @ANGELOCINEFILO Publicado em 08/06/2022, às 13h40 - Atualizado às 13h41

Campanha em prol da preservação da cultura dos povos indígenas reúne músicos em mini-doc - Divulgação/Maureen Bissiliat/Nicolas Tucat
Campanha em prol da preservação da cultura dos povos indígenas reúne músicos em mini-doc - Divulgação/Maureen Bissiliat/Nicolas Tucat

A Boa Foundation, organização que trabalha com povos indígenas e outros defensores do meio ambiente apoiando projetos para a autonomia de suas comunidades, lançou no último domingo (5), a campanha “Mil Aldeias”, em prol do Dia Internacional do Meio Ambiente.

A iniciativa conta com a participação de ativistas e artivistas – músicos, fotógrafos e cineastas – e consiste em um mini-doc de 9 minutos, com trilha sonora interpretada por mais de 30 artistas, como Arnaldo Antunes, Margareth Menezes, Zélia Duncan, Nando Reis, Roberta Sá, dentre outros.

A curadoria e consultoria conta com Ailton Krenak, Angela Mendes, Benki Piyãko, Glicéria Tupinambá, Tsitsinã Xavante e outras lideranças indígenas, quilombolas, ribeirinhas, etc.

O videoclipe, dirigido pelo cineasta Marcos Prado e produzido por Marcelo Fortaleza Flores, coordenador executivo da Boa Foundation, é embalado pela canção “O Relógio do Juízo Final”, inspirada na obra “Ideias para Adiar o Fim do Mundo”, de Ailton Krenak.

A música, composta por Carlos Rennó, Makely Ka e Rodrigo Quintela, conta com a interpretação de mais de trinta artistas referência na música brasileira.

A campanha "Mil Aldeias" apoiará projetos nos eixos da soberania alimentar (ou da água), da saúde, e da comunicação (ou da cultura e identidade tradicionais). Será um chamado para nos atentarmos ao fato que a proteção do meio ambiente começa com a participação da comunidade local e sua autonomia diante de seu destino.

O principal objetivo da iniciativa é a arrecadação de fundos para financiamento de diversos projetos nestas comunidades, além de uma série de iniciativas voltadas para a proteção desses povos. Concebida como ações para prevenir os impactos da pandemia nestas comunidades, a campanha conta ainda com consultores institucionais como a Ong Saúde e Alegria, a Escola Paulista de Medicina e os Expedicionários da Saúde.

Com a campanha Mil Aldeias, o intuito é serem atendidas cerca de cem aldeias nos próximos três meses, mais duzentas até o final de 2022 e as restantes ao longo de 2023. As doações podem ser feitas a partir de R$ 20,00 na página de doações da BOA Foundation.

A BOA Foundation trabalha desde 2015 com povos indígenas, escutando suas lideranças e apoiando projetos de base de suas comunidades. Diversos projetos já foram concretizados e atualmente oito estão ativos para receber recursos, entre reflorestamento, proteção de territórios, apoio à saúde, alimentação tradicional, construção de centros culturais e espirituais, bibliotecas e escolas. A projeção é de uma arrecadação de $2.000.000 de dólares para a campanha.

Assista ao vídeo:


+ Já segue o CineBuzz nas redes sociais? Então não perde tempo!