CineBuzz
Cinema / LISTA

De "Star Wars" a "Infiltrado na Klan": 10 grandes atuações de Adam Driver

Ator comemora 38 anos com uma carreira ainda curta mas já repleta de grandes atuações

ANGELO CORDEIRO | @ANGELOCINEFILO Publicado em 19/11/2021, às 13h43 - Atualizado às 13h48

De "Star Wars" a "Infiltrado na Klan": 10 grandes atuações de Adam Driver - Divulgação/Netflix/Lucasfilm/Universal Pictures
De "Star Wars" a "Infiltrado na Klan": 10 grandes atuações de Adam Driver - Divulgação/Netflix/Lucasfilm/Universal Pictures

Hoje, 19 de novembro, é dia de comemorar os 38 anos de idade de um dos grandes nomes da atualidade: Adam Driver, ator que estreou no cinema em 2011, no filme "J. Edgar", dirigido por Clint Eastwood e que explodiu para o sucesso ao viver o antagonista Kylo Ren em "Star Wars: O Despertar da Força", de 2015.

De lá pra cá, Adam Driver colecionou atuações impactantes e já tem duas indicações ao Oscar, por suas atuações em "Infiltrado na Klan" e "História de Um Casamento". Em 2021, o ator tem dois filmes prestes a estrear: "Annette" e "Casa Gucci". Será que vem uma nova indicação ao Oscar por aí?

Para celebrar uma carreira cada vez mais recheada de grandes interpretações, nós de CineBuzz separamos 10 personagens aos quais Adam Driver deu sangue, suor e vida. Quase todos estão disponíveis nos streamings. Confira a seguir:

 

  • STAR WARS (2015 a 2019)
Divulgação/Lucasfilm

O papel de Kylo Ren praticamente lançou Adam Driver ao estrelato. Até então ele havia participado de alguns curtas, séries para a TV, como "Girls", e teve pequenas pontas em alguns filmes mas nenhum deles colocou o ator no mainstream como o antagonista da nova fase da saga Skywalker fez. Apesar de seu final polêmico, Kylo Ren foi eternizado pelo ator. 

Onde assistir: Disney+

 

  • PATERSON (2016)
Divulgação/Fênix Filmes

Adam Driver parece ser cuidadoso com os papéis que escolhe, é difícil ver o ator atuando "em qualquer coisa". Em "Paterson", ele é Paterson, um motorista de ônibus na cidade de... Paterson que ama poesia. Foi a primeira colaboração de Adam com o diretor Jim Jarmusch, que voltaria a se repetir em "Os Mortos Não Morrem", de 2019. Aqui, ainda pedindo passagem em Hollywood, Adam já provava porque era um ator para se ficar de olho.

Onde assistir: Belas Artes À La Carte e para aluguel no Google Play

 

  • SILÊNCIO (2016)
Divulgação/Imagem Filmes

Além de estrear nos cinemas sendo dirigido por Clint Eastwood, já no início de sua carreira, Adam Driver foi trabalhar com Martin Scorsese. Se isso não é o auge, não sei qual é. Em "Silêncio", ele vive o padre jesuíta Francisco Garupe que, ao lado de Sebastião Rodrigues (Andrew Garfield), viaja até o Japão à procura de seu mentor em uma terra que deseja expurgar todas as influências estrangeiras.

Indisponível nos streamings

 

  • LOGAN LUCKY - ROUBO EM FAMÍLIA (2017)
Divulgação/Diamond Films

Neste filme de assalto do diretor Steven Soderbergh - um expert no subgênero -, Adam Driver se desafia ao interpretar Clyde Logan, um homem sem um braço que, junto de seu irmão Jimmy (Channing Tatum), planeja realizar um ambicioso assalto durante uma corrida de automóveis nos Estados Unidos. 

 

Onde assistir: HBO Max

 

  • INFILTRADO NA KLAN (2018)
Divulgação/Universal Pictures

Clint Eastwood, Martin Scorsese, Steven Soderbergh, falta mais algum grande diretor do cinema norte-americano para Adam Driver trabalhar com? Ah sim, Spike Lee! Por "Infiltrado na Klan", Adam Driver conseguiu sua primeira indicação ao Oscar, na categoria de Melhor Ator Coadjuvante, nessa história real sobre Ron Stallworth (John David Washington), um policial negro do Colorado que consegue se infiltrar na Ku Klux Klan.

Onde assistir: Netflix

 

  • O HOMEM QUE MATOU DOM QUIXOTE (2018)
Divulgação/Warner Bros.

Em uma produção conturbada iniciada em 1998, Adam Driver herdou o papel que passou pelas mãos de Johnny Depp, Ewan McGregor e Jack O'Connell e que finalmente estreou em 2019. Dirigida por Terry Gilliam, a adaptação de "Dom Quixote" conta a história clássica do velho sapateiro espanhol que acredita ser Dom Quixote e confunde Toby (Driver), um arrogante diretor de comerciais, com seu escudeiro Sancho.

Onde assistir: Netflix

 

  • O RELATÓRIO (2019)
Divulgação/Amazon Studios

Em uma atuação muito elogiada pela crítica, Adam Driver mais uma vez interpreta um personagem real. Ele é Daniel J. Jones, um agente do FBI designado pela senadora Dianne Feinstein (Annette Bening) para liderar uma investigação sobre o Programa de Detenção e Interrogatório da CIA, criado após os atentados de 11 de setembro, que mostra até que ponto a principal agência de inteligência dos Estados Unidos foi capaz de chegar para destruir evidências, subverter a lei e ocultar um segredo brutal da população americana.

Onde assistir: Amazon Prime Video

 

  • HISTÓRIA DE UM CASAMENTO (2019)
Divulgação/Netflix

Sua primeira indicação ao Oscar de Melhor Ator veio por sua intensa atuação neste filme dirigido por Noah Baumbach, com quem ele já havia trabalhado em "Enquanto Somos Jovens", antes de surgir para o estrelato. Na história, Adam Driver e Scarlett Johansson são um casal que vive um relacionamento conturbado que decide se divorciar. 

Onde assistir: Netflix

 

  • O ÚLTIMO DUELO (2021)
Divulgação/20th Century Studios

Ridley Scott é mais um dos grandes diretores a trabalhar com Adam Driver. Neste épico inspirado em uma história real ocorrida em 1386, Adam Driver é Jacques Le Gris, o fiel escudeiro do conde Pierre D’Alençon (Ben Affleck), que é acusado por Marguerite (Jodie Comer), esposa de seu amigo Jean de Carrouges (Matt Damon), de violá-la. Leia nossa crítica AQUI

Onde assistir: Em exibição nos cinemas

 

  • ANNETTE (2021)
Divulgação/Mubi

Finalizando a lista com um filme que está prestes a chegar ao streaming e que nós de CineBuzz conferimos na 45ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo. Em "Annette", filme do diretor Leos Carax ("Holy Motors"), Adam Driver é Henry McHenry, um comediante de stand-up, dono de um estilo excêntrico e humor ácido que é casado com a bela Ann (Marion Cotillard), uma cantora de ópera de carreira tão gloriosa quanto sua voz. O caso entre os dois chama a atenção do público e da imprensa e tudo muda com o nascimento da filha Annette. Leia nossa crítica AQUI.

Onde assistir: 26 de novembro na Mubi