CineBuzz
Cinema / MARVEL

Elizabeth Olsen fala sobre interpretação sombria de Wanda em "Doutor Estranho 2"

Atriz ainda revelou que adora interpretar personagens que o público discorde

Thamyris Couto| @thamy_couto Publicado em 06/05/2022, às 12h07 - Atualizado às 12h33

Elizabeth Olsen fala sobre interpretação sombria de Wanda em "Doutor Estranho 2" - Divulgação/Marvel Studios
Elizabeth Olsen fala sobre interpretação sombria de Wanda em "Doutor Estranho 2" - Divulgação/Marvel Studios

CUIDADO! ESTE TEXTO CONTÉM SPOILERS DE "DOUTOR ESTRANHO 2"

"Doutor Estranho no Multiverso da Loucura" chegou aos cinemas na última quinta-feira (5), e pegou os fãs de surpresa com o lado sombrio de Wanda, ou melhor, da Feiticeira Escarlate de Elizabeth Olsen. A personagem, que na verdade não queria nada além de estar com os filhos, Billy e Tommy, se mostrou disposta a enfrentar tudo para alcançar seu objetivo, incluindo o multiverso e heróis altamente poderosos.

Sobre seu novo objetivo na trama, Olsen revelou à Harper's Bazaar UK (via IndieWire) que “foi muito divertido para mim porque todos esses anos eu tenho interpretado um personagem que está lutando". "Agora, ela tem clareza pela primeira vez – ela sabe exatamente o que quer e não quer se desculpar por isso. Acho que há uma feminilidade que vem com isso: uma força em se sentir completamente autorizada", continuou.

No entanto, o plano de salto multiversal moralmente ambíguo de Wanda, que tem relação direta com sugar a vida do adolescente sobrenatural America Chavez, vivida por Xochitl Gomez, é o ponto crucial da sequência dirigida por Sam Raimi ("Homem-Aranha"). E ela faz questão de reforçar a hipocrisia do Doutor Estranho (Benedict Cumberbatch) ao criticar o que deseja fazer.

“Adoro interpretar personagens cujas ações as pessoas discordam. Em um mundo onde realmente não nos importamos em entender outros pontos de vista, sinto que se nós, como público, pudermos ter empatia por pessoas com as quais não concordamos, isso é uma coisa boa. Então eu posso ser o advogado deles e defendê-los. Eu apoio suas ações, mesmo que eu não concorde com elas", explicou Olsen.

E, após a suposta morte de Wanda/Feiticeira Escarlate no filme, sua história parece encontrar uma espécie de conclusão emocional. Mas não segundo Elizabeth. Para a atriz, “acho que Wanda está sempre ao virar da esquina, então não me sinto mal em dizer adeus a ela”, finalizou.

Além disso, recentemente a atriz Elizabeth Olsen revelou que aceitaria voltar a interpretar a Wanda Maximoff em um filme solo da personagem. Por tanto, as portas do MCU estão abertas para um retorno triunfal da grande feiticeira, ainda mais com todas as possibilidades de narrativa que o multiverso oferece.

O Cinebuzz já assistiu a "Doutor Estranho no Multiverso da Loucura", e você confere a crítica completa aqui!


+ Já segue o CineBuzz nas redes sociais? Então não perde tempo!