CineBuzz
Cinema / EITA!

Filme sobre Marilyn Monroe "é como se 'Cidadão Kane' e 'Touro Indomável' tivessem um filho", afirma diretor

"Blonde" terá Ana de Armas no papel principal e deve ser lançado pela Netflix ainda em 2022

ANGELO CORDEIRO | @ANGELOCINEFILO Publicado em 19/04/2022, às 09h58

Filme sobre Marilyn Monroe "é como se 'Cidadão Kane' e 'Touro Indomável' tivessem um filho", afirma diretor - Divulgação/Netflix
Filme sobre Marilyn Monroe "é como se 'Cidadão Kane' e 'Touro Indomável' tivessem um filho", afirma diretor - Divulgação/Netflix

"Blonde", filme sobre a vida da estrela Marilyn Monroe que será estrelado por Ana de Armas ("007 - Sem Tempo para Morrer") desde o início de sua produção vem cercado de polêmicas, seja sobre sua classificação indicativa, e as cenas de nudez e violência.

Agora, o diretor Andrew Dominik, de "O Assassinato de Jesse James pelo Covarde Robert Ford", em entrevista ao Collider, causou nova polêmica ao comparar o longa da Netflix com dois clássicos do cinema.

Quando perguntado sobre o que é "Blonde", Dominik respondeu: “'Blonde' é um filme para todas as crianças não amadas do mundo. É como se 'Cidadão Kane' e 'Touro Indomável' tivessem um filho.” Ele continuou:

Bem, a ideia de ‘Blonde’ era detalhar um drama infantil e depois mostrar a maneira como esse drama divide os adultos. E como o adulto enxerga o mundo através das lentes desse drama infantil, e é uma espécie de história de uma pessoa cuja imagem racional do mundo está sendo dominada por seu inconsciente, e usa a iconografia de Marilyn Monroe”, declarou.

A obra estrelada por Ana de Armas é baseada no livro homônimo escrito por Joyce Carol Oates, ela disse que viu um corte e chamou o longa de “surpreendente, brilhante” e “muito perturbador”. Dizendo que é “uma interpretação totalmente feminista”.

Dominik afirmou que as filmagens de ‘Blonde‘ foram encerradas em julho de 2021 e a demora no lançamento se deve à edição. “Acho que poderia ter ido para Veneza no ano passado. Poderia ter saído na safra de outono do ano passado, mas… demorou um pouco entregar o corte final. Todos os meus filmes demoram um pouco para serem montados”.

Há meses circulam rumores sobre supostos confrontos entre Dominik e a Netflix sobre o corte final do filme. O cineasta confirmou ao ScreenDaily sua intenção de fazer um filme com a classificação NC-17 - proibido para menores de 17 anos - e classificou os rumores como “um monte de bobagem”.

De acordo com o diretor, o corte final será exatamente como ele idealizou: “A Netflix está me deixando lançar o filme como eu queria fazer, mesmo com a classificação NC-17, isso é muito bom”.

A classificação NC-17 é uma classificação rara em Hollywood, sendo aplicada apenas em produções exclusivas para adultos, contendo sexo, drogas e violência explícita. Exemplos de filmes que ganharam essa classificação: "Benedetta", "Azul é a Cor Mais Quente" e "Irreversível".

Netflix ainda não anunciou uma data de lançamento para “Blonde”, mas o título foi incluído em seu anúncio oficial da lista de filmes de 2022. 


+ Já segue o CineBuzz nas redes sociais? Então não perde tempo!