CineBuzz
Cinema / LUTO

Monica Vitti, musa do cinema italiano, morre aos 90 anos

Atriz ficou famosa por estrelar filmes de Michelangelo Antonioni

ANGELO CORDEIRO | @ANGELOCINEFILO Publicado em 02/02/2022, às 15h50

Monica Vitti em cena de "O Eclipse", de 1962 - Divulgação/Cineriz
Monica Vitti em cena de "O Eclipse", de 1962 - Divulgação/Cineriz

A atriz italiana Monica Vitti, morreu nesta quarta (2) aos 90 anos, de acordo com a agência de notícias ANSA, a partir de um tuíte do ex-prefeito de Roma, Walter Vetroni, também amigo da família Vitti.

A causa da morte não foi divulgada, mas, desde 2001, a atriz havia se afastado da vida pública após um diagnóstico de Doença de Alzheimer.

Monica Vitti ficou conhecida internacionalmente ao estrelar clássicos de Michelangelo Antonioni, como "A Aventura", de 1960, "A Noite", de 1961, "O Eclipse", de 1962 e "O Deserto Vermelho", de 1964.

Após a colaboração com Antonioni, Monica Vitti participou de diversos filmes de maior apelo popular como "Modesty Blaise", de 1966, personagem considerada a "James Bond feminina", além de "A Garota com a Pistola", de 1968, "Ciúme à Italiana", de 1970, e "O Fantasma da Liberdade" de 1974.

Em 1980, ela estrelou "O Mistério de Oberwald", sua última parceria com Antonioni. Em 1983, a atriz venceu o prêmio de Melhor Atriz no Festival de Berlim pelo filme "Flirt", e foi homenageada com o Leão de Ouro honorário pela carreira no Festival de Veneza de 1995.

A atriz deixa o marido e diretor de cinema Roberto Russo, com quem estava casada desde 2000.