CineBuzz
Facebook CineBuzzTwitter CineBuzzInstagram CineBuzz
Cinema / CURIOSIDADES

"Thor 4": Quem é Gorr, o Carniceiro dos Deuses?

Vilão de "Thor: Amor e Trovão" será interpretado por Christian Bale

CAMILA GOMES | @CAMILAGMS Publicado em 24/05/2022, às 11h20

Christian Bale viverá Gorr em "Thor: Amor e Trovão" - Divulgação/Marvel
Christian Bale viverá Gorr em "Thor: Amor e Trovão" - Divulgação/Marvel

O trailer oficial de "Thor: Amor e Trovão" revelou o visual assustador de Christian Bale como Gorr, que passou por outra grande transformação física e está irreconhecível no filme. Conhecido como Carniceiro dos Deuses, o personagem chega para ameaçar todo o Olimpo e já é considerado pelo diretor TaikaWaititi "o maior vilão que a Marvel já teve".

Conhecido como um maiores rivais do Deus do Trovão nos quadrinhos, Gorr foi criado por Jason Aaron e apareceu pela primeira vez em "Thor: God of Thunder #1", publicada em janeiro de 2013. O vilão foi o grande antagonista do Vingador em dois arcos, "O Carniceiro dos Deuses" e "A Bomba Divina", mas ao todo, chegou a aparecer em catorze edições.

  • Origem

A origem de Gorr começa como um alienígena de um planeta inóspito, por tanto, ele cresceu cercado por miséria, mortes e fome. Sempre pediu aos deuses que intercedessem por seu povo, mas isso nunca aconteceu. Após perder todos os seus entes queridos para as tragédias tão comuns de seu planeta, ele abandona de vez todas as suas crenças.

Gorr só assume o título de Carniceiro dos Deuses quando presencia uma batalha - que considera inútil - de Knull, justamente o deus dos simbiontes. É neste momento em que ele se dá conta de que os deuses não se importam com as vidas mortais, então torna seu grande propósito destruir todas as divindades do universo. Quando a luta termina com o inimigo de Knull caindo em seu planeta, perfurado pela Necroespada, uma arma ancestral, o deus pede a ajuda de Gorr, mas ele realiza sua primeira morte para tomar conta do objeto poderoso. 

  • Poderes

Nas HQs, o vilão não possui nenhum poder especial e todas suas habilidades foram adquiridas pelo poder que a Necroespada lhe concedeu. Com isso, ele recebeu grande resistência, força sobre-humana, a capacidade de regenerar seus ferimentos e é considerado praticamente imortal. Fazendo uso do artefato, ele consegue utilizar também o abismo vivo para forjar suas próprias armas, escudos e até asas.

  • Conexão com os eventos do MCU

Nos quadrinhos, ele persegue Thor por três linhas temporais distintas: no passado, quando o Filho de Odin ainda é imaturo e irresponsável; o presente do Universo Marvel; e no futuro, em que o herói se tornou um Rei solitário. Ele caça o Vingador de forma implacável para não só matá-lo, mas também para conseguir informações sobre os outros deuses para prosseguir com seu massacre.  

Gorr acabou sendo assassinado por Thor quando tentou destruir o Olimpo ao implantar a Bomba Divina no local. O Vingador absorveu os poderes da bomba e também da Necroespada, direcionando a energia dos objetos contra o vilão. Mas as consequências desse confronto atormentaram o Deus de Asgard por muito tempo.

Em "Pecado Original", Nick Fury aparece imbuído com o poder do Vigia (que aparece como uma estátua do tribunal dos deuses) e diz para Thor que "Gorr estava certo". O herói passou a se sentir indigno de segurar o Mjönir. Neste mesmo período Jane Foster assumiu o manto de Poderosa Thor enquanto Thor viaja pelo universo para encontrar uma nova arma. 

No novo trailer, a Poderosa Thor (Natalie Portman) comenta com o Filho de Odin que Gorr é o primeiro grande vilão que ela enfrenta desde que ganhou seus poderes e se tornou digna de empunhar o Mjönir. 

Nós já sabemos que o Universo Cinematográfico da Marvel não costuma seguir os eventos dos quadrinhos ao pé da letra, mas dá para nos prepararmos para o que está por vir. 

“Thor: Amor e Trovão” estreia nos cinemas brasileiros no dia 7 de julho.


+ Já segue o CineBuzz nas redes sociais? Então não perde tempo!