CineBuzz
Facebook CineBuzzTwitter CineBuzzInstagram CineBuzz
Cinema / EITA!

Tom Hanks diz que ator hétero não poderia protagonizar "Filadelfia" nos dias de hoje

Filme rendeu a Tom Hanks o seu primeiro Oscar de Melhor Ator ao interpretar um homem gay

ANGELO CORDEIRO | @ANGELOCINEFILO Publicado em 16/06/2022, às 13h57

Tom Hanks diz que ator hétero não poderia protagonizar "Filadelfia" nos dias de hoje - Divulgação/TriStar Pictures
Tom Hanks diz que ator hétero não poderia protagonizar "Filadelfia" nos dias de hoje - Divulgação/TriStar Pictures

O astro Tom Hanks declarou, em entrevista ao The New York Times, que hoje não seria aceitável que um homem heterossexual interpretasse seu personagem no longa "Filadélfia".

"Um homem heterossexual poderia fazer o que eu fiz em Filadélfia hoje? Não, e com razão”, disse o astro. “O ponto principal de 'Filadélfia' era não ter medo. Uma das razões pelas quais as pessoas não tinham medo desse filme é que eu estava interpretando um homem gay. Estamos além disso agora, e eu não acho que as pessoas aceitariam a inautenticidade de um cara hétero interpretando um cara gay.

No filme, Hanks interpreta Andrew Beckett, um homem gay diagnosticado com HIV que é demitido do escritório de advocacia, onde ele trabalha por causa de sua doença. Para reivindicar sua demissão injusta, ele contrata Joe Miller (Denzel Washington), um advogado homofóbico que é o único a aceitar o caso.

O filme rendeu a Hanks o seu primeiro Oscar de Melhor Ator. Por sua atuação ele também foi premiado no Festival de Berlim. 

No Oscar, o filme ainda teve o prêmio de Melhor Canção Original dado a Bruce Springsteen com "Streets of Philadelphia". E foi indicado nas categorias de Melhor Maquiagem, Melhor Canção Original (Neil Young com "Philadelphia") e Melhor Roteiro Original.

"Filadélfia" está disponível no catálogo do Star+.


+ Já segue o CineBuzz nas redes sociais? Então não perde tempo!