CineBuzz
Coronavírus / UÉ?

Grupo ignora quarentena e é flagrado fazendo sexo à luz do dia

Caso bizarro aconteceu no Lago Paranoá, em Brasília

Redação Publicado em 03/07/2020, às 15h05

Imagem de casal na cama - Freepik/Rawpixel.com
Imagem de casal na cama - Freepik/Rawpixel.com

Um grupo de pessoas foi flagrado mantendo relações sexuais dentro de uma lancha no Lago Paranoá, em Brasília, à luz do dia. As gravações aconteceram em plena pandemia do novo coronavírus, que colocou o mundo inteiro em quarentena e distanciamento social.

Além de descumprir as regras de isolamento social, as pessoas presentes no vídeo também não estão usando máscaras de proteção contra covid-19 e, ainda por cima, indo contra a lei. Manter relação sexual em local público é crime de ato obsceno.



Caso as pessoas envolvidas na gravação sejam identificadas, eles podem ser encaminhados para a delegacia mais próxima para registro de ocorrência. O crime de ato obsceno prevê detenção de três meses a um ano, ou o pagamento de uma multa.

+Leia mais: Abertura de bares durante pandemia no Leblon causa revolta na internet; veja

Recentemente, o Lago Paranoá vem recebendo outras festas clandestinas durante a pandemia. De acordo com o Metrópoles, foram flagrados pelos menos 20 veículos posicionados no Deck Sul em uma madrugada.

As festas contam com a participação de vários jovens, que ficam no local ouvindo música alta e em aglomeração.

 

 


LIVROS DE FANTASIA PARA GENTE GRANDE

1. Box Trilogia O Senhor dos Anéis: https://amzn.to/2KCfdW4

2. O nome do vento: https://amzn.to/2NZUmOw

3. Sol e Tormenta: https://amzn.to/343WdYh

4. Prince of Thorns (The Broken Empire, Book 1): https://amzn.to/2OvfBXJ

5. O poder da espada: https://amzn.to/2Xr7NdF

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis, e a Exitoina pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.