CineBuzz
Coronavírus / POLÊMICA

Homem usa capuz da Ku Klux Klan como 'proteção contra coronavírus' em supermercado nos EUA

Incidente aconteceu em estabelecimento em San Diego, na Califórnia

Redação Publicado em 06/05/2020, às 11h53

Homem usa capuz da KKK em mercado nos EUA - Facebook
Homem usa capuz da KKK em mercado nos EUA - Facebook

Um dia após a prefeitura de San Diego, na Califórnia, determinar que o uso de máscaras se tornou obrigatório em público durante a pandemia do coronavírus, um homem foi visto usando um capuz da entidade que defende a supremacia branca Ku Klux Klan, também conhecida como KKK.

O incedente aconteceu no último sábado, dia 2. Segundo o San Diego Union-Tribune, diversos funcionários do estabelecimento pediram que o cliente retirasse o capuz, considerado um dos maiores símbolos racistas do Estados Unidos e do mundo.



+Leia mais: Mulher vai às compras usando máscara com buraco no meio: "Melhor para respirar"

Quando o homem estava na fila para pagar as compras, ele foi abordado por um supervisor. Ele tirou o capuz, pagou suas compras e deixou o supermercado.

Fundada em 1865, a KKK é uma entidade norte-americana que defende as da supremacia branca, do nacionalismo branco, da anti-imigração e, posteriormente, do nordicismo, do anticatolicismo e do antissemitismo.

 


Os amantes de filmes precisam conferir essas luminárias

1. Luminária Senhor dos Anéis: https://amzn.to/36hDCco

2. Luminária Estrela da Morte: https://amzn.to/37n3Zha

3. Luminária Punho do Hulk: https://amzn.to/38i5M7Q

4. Luminária Darth Vader: https://amzn.to/2QcdhGW

5. Luminária Mão do Homem de Ferro: https://amzn.to/2QamC22

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis, e a Exitoína pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.