CineBuzz
Curiosidades / SAIBA A VERDADE!

Você sabe por que Rachelle Lefevre foi substituída como a vilã Victoria na saga "Crepúsculo"?

Bryce Dallas Howard assumiu o papel no terceiro filme da franquia, "Eclipse"

Redação Publicado em 25/02/2021, às 14h30

Rachelle Lefevre foi substituída por Bryce Dallas Howard como Victoria na saga "Crepúsculo" - Reprodução/Summit Entertainment
Rachelle Lefevre foi substituída por Bryce Dallas Howard como Victoria na saga "Crepúsculo" - Reprodução/Summit Entertainment

No último dia 15, a Netflix aumentou o seu catálogo com a inclusão de todos os cinco filmes da saga "Crepúsculo", estrelada por Robert Pattinson Kristen Stewart. Após novas maratonas, fãs estão relembrando que, do segundo para o terceiro filme, a vilã Victoria, interpretada por Rachelle Lefevre, foi reescalada e vivida por Bryce Dallas Howard ("Jurassic World") em sua aparição. Por que isso aconteceu?

Em entrevistas dadas por Lefevre à época, a atriz revelou que ficou chocada com a decisão da Summit Entertainment, produtora do filme, em tirá-la do filme por um suposto conflito de agenda. Na época, ela havia sido escalada para a comédia "A Minha Versão do Amor", que chegou aos cinemas em 2010, mas alegou que as gravações do filme eram curtas e não a atrapalhariam em "Crepúsculo":

+ Leia também: Por onde anda o elenco da saga "Crepúsculo" quase dez anos após o seu fim?

"Fiquei surpresa com a decisão da Summit de reescalar o papel de Victoria para 'Eclipse'. Eu estava totalmente comprometida com a saga 'Crepúsculo' e com a interpretação de Victoria. Recusei várias outras oportunidades de filme e, de acordo com meus direitos contratuais, aceitei apenas papéis que envolveriam cronogramas de filmagem muito curtos", declarou a atriz ao Entertainment Weekly em 2009.

"Meu compromisso com 'A Minha Versão do Amor' era de apenas dez dias. A Summit fez a escolha por mim para 'Eclipse'. Embora o cronograma de produção de 'Eclipse' seja superior a três meses, a Summit disse que eles tiveram um conflito durante aqueles dez dias e não me encaixariam. Dada a duração das filmagens de Eclipse, nunca imaginei que perderia o papel em dez dias", continuou a atriz, que na época demonstrou ter ficado bastante chateada.

“Eu estava feliz com meu contrato com a Summit e estava totalmente preparada para continuar a honrá-lo. A Summit escolheu simplesmente reescalar o papel. Estou muito triste por não conseguir interpretar Victoria para o público de 'Crepúsculo'", ainda disse Lefevre. "Serei eternamente grata pelo apoio e lealdade dos fãs que recebi desde que fui escalada para este papel, e estou profundamente magoada com a decisão surpresa da Summit de seguir em frente sem mim. Desejo ao elenco e à equipe de 'Eclipse' apenas o melhor", concluiu.

No entanto, a Summit Entertainment deu uma versão bem diferente, em um comunicado enviado ao Entertainment Weekly seguindo as acusações de Lefevre: "Ao contrário da declaração da Sra. Lefevre, simplesmente não é verdade que o estúdio a dispensou por causa de uma sobreposição de dez dias. Não se trata de uma sobreposição de dez dias, mas sim sobre o fato de que 'A Saga Crepúsculo: Eclipse' é uma produção em conjunto, que tem que acomodar as agendas de vários atores, respeitando a visão criativa estabelecida do cineasta e, mais importante, a história", diz o texto. 

"O compromisso da Sra. Lefevre com o outro projeto - que ela escolheu reter da Summit até o último momento possível - a torna infelizmente indisponível para desempenhar o papel de Victoria em 'A Saga Crepúsculo: Eclipse'", concluiu o comunicado. Curiosamente, a diretora do primeiro filme da franquia, Catherine Hardwicke, revelou que Bryce Dallas Howard havia recusado o papel de Victoria previamente, por acreditar, na época em que o primeiro filme estava sendo produzido, que seria algo muito pequeno para ela. Como o mundo dá voltas, não é mesmo?