CineBuzz
Curiosidades / EITA!

Sabia que o termo "paredão", do "Big Brother Brasil", foi criado por um ex-participante?

Adriano de Castro participou da primeira edição e foi considerado o primeiro vilão do reality show

Redação Publicado em 02/03/2021, às 23h00

Adriano Castro participou da primeira edição e foi considerado o primeiro vilão do "Big Brother Brasil" - Globo/Jaq Joner
Adriano Castro participou da primeira edição e foi considerado o primeiro vilão do "Big Brother Brasil" - Globo/Jaq Joner

Todas as terças-feiras, desde que o "Big Brother Brasil" foi ao ar pela primeira vez em 29 de janeiro de 2002, os participantes sofrem com o temido paredão. Já estamos na 21ª temporada e a dinâmica, que coloca o público para julgar brothers sisters e decide quem deve continuar no jogo, causa arrepios só de ser falado em voz alta. Mas você sabia que o termo não foi originalmente criado pela produção do reality show?

"Paredão" foi o nome dado à então "berlinda", como eram chamados as disputas lá na primeira edição, pelo participante Adriano de Castro, conhecido na casa como Didi. À época com 33 anos, o artista plástico baiano, considerado o primeiro vilão do "BBB", rebatizou a dinâmica de enfrentamento dos participantes e o nome acabou pegando.

+ Leia também: Você sabe qual é o episódio favorito dos fãs de "Modern Family"?

O novo nome da berlinda era  usando tanto por Pedro BialMarisa Orth, que coapresentaram a primeira edição do programa, quanto pelos participantes. A referência para o termo, apesar de nunca ser muito discutida, são as execuções em que as pessoas são colocadas, literalmente, em frente a uma parede ou um muro e fuziladas. Bizarra, mas uma referência bem assertiva: quando as participantes deixam o programa, é como se tivessem morrido no jogo.

Outros realities semelhantes ao "Big Brother Brasil" optaram por utilizar os seus próprios termos para definir as suas eliminações: "Casa dos Artistas", do SBT, que foi exibido entre 2001 e 2004, chamava os "paredões" de "berlinda", enquanto "A Fazenda", que estreou em 2009, optou por chamar as disputas de "Roça".