CineBuzz
Famosos / CASO GRAVE

Armie Hammer, de "Me Chame Pelo Seu Nome", é acusado de estupro

Uma mulher, identificada como Effie, denunciou um caso de abuso sexual que teria acontecido em 2017

Redação Publicado em 18/03/2021, às 18h15 - Atualizado às 18h20

Armie Hammer, de "Me Chame Pelo Seu Nome", está sendo acusado de estupro - Divulgação/Sony Pictures
Armie Hammer, de "Me Chame Pelo Seu Nome", está sendo acusado de estupro - Divulgação/Sony Pictures

Meses após ser acusado de canibalismo, Armie Hammer, de "Me Chame Pelo Seu Nome", agora está sendo acusado de estupro. Durante uma coletiva de imprensa realizada pela advogada Gloria Allred nesta quinta-feira (18), uma mulher identificada como Effie revelou ter sido violentada pelo ator. As informações são do The Hollywood Reporter.

"Em 24 de abril de 2017, Armie Hammer violentamente me estuprou por mais de quatro horas em Los Angeles", contou. O sobrenome da denunciante foi preservado pela advogada, mas ela foi descrita como "uma mulher de 24 anos que vive na Europa". "Durante aquelas quatro horas, eu tentei fugir, mas ele não me deixou ir. Eu achei que ele fosse me matar. E, então, ele foi embora sem se preocupar com o meu estado de saúde".

A denunciante ainda disse que, durante o ato em abril de 2017, ele batia a cabeça dela contra a parede, resultando em machucados no seu rosto, além de ter cometido outros atos de violência não consentidos.

+ Leia também: Demi Lovato revela ter perdido a virgindade em um estupro

Ela afirmou ter conhecido o ator pelo Facebook em 2016, quando tinha 20 anos, e acabou se envolvendo em um relacionamento com ele, que durou entre 2016 e 2020: "Ele abusou de mim mental, emocional e sexualmente", declarou Effie.

Através de seu advogado, Andrew Brettler, Hammer negou as acusações em um comunicado ao The Hollywood Reporter. Ele ainda apresentou mensagens enviadas por Effie ao ator, sendo as mais recentes de 18 de julho de 2020, dizendo o que ela gostaria que Hammer fizesse com ela, ao que o ator respondeu que não pretendia manter aquele tipo de relacionamento com ela.

Effie ainda disse que, após o acontecido, teve pensamentos suicidas: "Eu tentei tanto justificar as ações dele, até o ponto de responder a ele de uma forma que não reflete meus verdadeiros sentimentos. (...) Falando abertamente hoje, eu espero evitar que outros sejam vítimas dele no futuro", declarou.