CineBuzz
Famosos / POLÊMICA

Armie Hammer quer boicotar Marvel por apoio ao presidente Donald Trump, diz TMZ

Segundo o site, o presidente do estúdio contribuiu com mais de US$ 1 milhão nos últimos anos

Redação Publicado em 09/08/2019, às 14h08

Armie Hammer em 'Call Me By Your Name' e Homem de Ferro. Crédito: Montagem/Divulgação/ Frenesy Film Company/Marvel
Armie Hammer em 'Call Me By Your Name' e Homem de Ferro. Crédito: Montagem/Divulgação/ Frenesy Film Company/Marvel

Parece que a Marvel está na mira de um boicote por apoiar o presidente Donald Trump.

Segundo o TMZ, essa é a vontade do ator Armie Hammer. Ele disse que um dos maiores contribuintes financeiros de Trump é Isaac Perlmutter, presidente da Marvel. 

Armie botou a Marvel em jogo por Isaac ter contribuído com US$ 1 milhão em 2016 e essa ano contribuir com mais de US$ 500 mil, como um dos motivos ser a campanha de reeleição de Trump. 

Lembrando que há um grande boicote acontecendo contra a empresa Equinox pelo proprietário Stephen Ross também ter contribuído bastante para Trump.

+ Confira o calendário de filmes e séries da Fase 4 da Marvel até 2021

Se a ação de Hammer ganhar força pode gerar consequências catastróficas para a Marvel, que tem muitas produções como Thor: Love and Thunder, uma sequência de Doutor Estranho e Viúva Negra por vir, de acordo com anúncios do estúdio na Comic Con.