CineBuzz
Famosos / CASO GRAVE

Armie Hammer se nega a comentar acusações de abuso e canibalismo

Ator de "Me Chame Pelo Seu Nome" afastou-se de projeto com Jennifer Lopez em meio à polêmica

Redação Publicado em 14/01/2021, às 10h51

Armie Hammer, estrela de "Me Chame Pelo Seu Nome", é acusado de canibalismo - Divulgação/Sony Pictures
Armie Hammer, estrela de "Me Chame Pelo Seu Nome", é acusado de canibalismo - Divulgação/Sony Pictures

Envolvido em uma polêmica após acusações de abuso e canibalismo surgirem na Internet, o ator Armie Hammer, conhecido pelos filmes "Me Chame Pelo Seu Nome" e "A Rede Social", negou-se a comentar o assunto após afastar-se do projeto de um filme com a atriz Jennifer Lopez.

Em resposta ao TMZ, o ator declarou: "Eu não vou responder a essas alegações estúpidas, mas frente aos ataques perversos contra mim na Internet, em sã consciência, não posso deixar meus filhos por quatro meses para gravar um filme na República Domicana. A [produtora] Lionsgate está me apoiando e eu sou grato a eles", declarou o ator, referindo-se ao longa "Shotgun Wedding", coprotagonizado por Lopez.

+ Leia mais: Nova acusação de abuso e canibalismo contra Armie Hammer é divulgada

Na última segunda-feira (11), supostas mensagens creditadas a Hammer faziam relação a canibalismo. Nelas, o ator confessava ser "100% canibal" e afirmava que queria comer e beber o sangue de suas vítimas: "Eu quero comer você. P**ra, isso é assustador de admitir. Eu nunca admiti isso antes. Eu já corte o coração de um animal vivo e comi enquanto ainda estava quente", teria escrito o ator.

Segundo o tabloide Daily Mail, a ex-esposa do ator, Elizabeth Chambers, estaria ciente do escândalo e teria ficado enojada e chocada com as supostas mensagens, que teriam sido trocadas enquanto eles ainda estavam casados.