CineBuzz
Famosos / TRISTE

Duda Reis alega ter sido estuprada e agredida por Nego do Borel

Atriz registrou boletim de ocorrência em São Paulo

Redação Publicado em 14/01/2021, às 16h19

Nego do Borel é acusado de estupro e agressão pela ex-noiva, Duda Reis - Reprodução/Instagram
Nego do Borel é acusado de estupro e agressão pela ex-noiva, Duda Reis - Reprodução/Instagram

Após aparecer em suas redes sociais desabafando sobre os problemas que teve no relacionamento com Nego do Borel, Duda Reis registrou um boletim de ocorrência contra o ex-noivo acusando-o de estupro de vulnerável, ameaça, injúria, lesão corporal, violência doméstica e transmissão de HPV, uma infecção sexualmente transmissível. As informações são do UOL.

De acordo com o documento, registrado na 1ª Delegacia de Defesa da Mulher (1ª DDM), em São Paulo, a primeira agressão de Nego a Duda teria ocorrido no Carnaval de 2018. O cantor teria apertado os braços da atriz, o que a deixou com marcas. Mais tarde no mesmo ano, ele a teria empurrado e humilhado durante um evento, causando novas lesões.

+ Leia mais: Duda Reis faz desabafo sobre relacionamento com Nego do Borel: "Temo pela minha vida"

Ela também relata ter sido obrigada a usar medicamentos contra ansiedade e ter ficado dopado durante uma viagem para Portugal, em agosto de 2018. No período, ele saía para casas noturnas e, quando retornava, mantinha relações sexuais com Duda, sem o consentimento da atriz e enquanto se encontrava dopada. 

Um outro trecho do boletim de ocorrência diz que, em outubro de 2019, ela foi agredida pelo cantor e que ele chegou a ameaçá-la de morte: "Em uma crise de ciúme, o autor a agrediu com pontapés na perna e arrebentou a 'cabeçadas' a porta do local. [...] Eram comuns ameaças de morte à vítima e que o mesmo dizia que bateria o veículo e se mataria". Em novembro de 2019, por ciúmes, Nego também teria ameaçado Duda com uma faca durante um churrasco na casa do cantor. 

+ Leia mais: Anitta faz comentário polêmico após desabafo de Duda Reis sobre Nego do Borel

A atriz ainda relatou ter contraído HPV de Nego e solicitou uma medida protetiva contra o ex-noivo, com base na Lei Maria da Penha, para que ele não possa contatá-la ou se aproximar dela. O casal esteve junto por quase três anos e o relacionamento chegou ao fim em dezembro de 2020.