CineBuzz
Famosos / EITA!

Johnny Depp afirma que é vítima da "cultura do cancelamento" em Hollywood

Ator declarou, durante o Festival de Cinema de San Sebastian, que o movimento está "fora de controle"

ANGELO CORDEIRO | @ANGELOCINEFILO Publicado em 22/09/2021, às 17h37

Johnny Depp afirma que é vítima da "cultura do cancelamento" em Hollywood - Columbia Pictures
Johnny Depp afirma que é vítima da "cultura do cancelamento" em Hollywood - Columbia Pictures

O ator Johnny Depp declarou, durante o Festival de Cinema de San Sebastian, que é uma vítima da cultura do cancelamento e que "ninguém está a salvo" do movimento, conclamando as pessoas a "se levantarem" pelas pessoas que enfrentam a "injustiça". A informação é do Deadline.

"Pode ser visto como um evento na história pelo tempo que tem durado, essa cultura de cancelamento; essa pressa instantânea para o julgamento baseado no que essencialmente equivale a ar poluído", comentou o ator.

Está tão fora de controle que posso prometer a vocês que ninguém está seguro. Nenhum de vocês. Ninguém da porta pra fora. Ninguém está seguro,” continuou. “Basta uma frase e não há mais chão, o tapete foi puxado. Não foi só comigo que isso aconteceu, aconteceu com muitas pessoas. Esse tipo de coisa já aconteceu com mulheres, homens. Infelizmente, em algum momento, eles começam a pensar que isso é normal. Ou que é sobre elas. Quando não é.” concluiu Depp.

No que parecia ser uma referência ao seu caso de difamação no qual processou (e perdeu) o jornal The Sun, por apontá-lo como um "espancador de mulheres", Depp disse: "Não importa se um julgamento se utilizou de alguma licença artística. Quando há uma injustiça, seja contra você ou alguém que você ama ou acredita, levante-se, não fique sentado, porque eles precisam de você."