CineBuzz
Música / GIRL POWER

P!nk fala sobre feminismo e comenta sobre ministra Damares: "Ideias antiquadas"

A cantora também falou sobre ser a única mulher se apresentando como headliner no Rock In Rio

Redação Publicado em 08/10/2019, às 08h42 - Atualizado às 09h15

P!nk se apresentou pela primeira vez no país - Reprodução/YouTube
P!nk se apresentou pela primeira vez no país - Reprodução/YouTube

A cantora P!nk foi a grande atração no penúltimo dia de Rock In Rio. Em sua primeira passagem pelo país, a americana atendeu os fãs desde o momento de sua chegada e trouxe toda a estrutura de sua turnê Beautiful Trauma para o Palco Mundo. 

Nos bastidores do festival, ela comentou em entrevista ao Multishow sobre a importância de movimentos de empoderamento feminino. "Sempre fui uma feminista harcore", comentou. "Eu acho que é importante para todos nós que a luz de cada um brilhe o máximo possível."

++ Rock in Rio 2019: P!nk literalmente voa em sua primeira apresentação no Brasil

Sendo a única mulher anunciada como headliner no festival, ela abraçou a responsabilidade de manter o poder feminino vivo na Cidade do Rock. "Eu vi o pôster [do festival] hoje e pensei: 'Onde estão todas as vaginas? Só tem uma!'"

Quando Didi Effe comentou com ela que existe uma ministra no Brasil que diz que "meninos devem usar azul e meninas devem usar rosa", referindo-se a atual Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, P!nk disse que adorava meninos vestindo rosa.

++ Depois de vir ao Brasil para o Rock In Rion, P!nk será premiada como lenda viva

"Uma das minhas coisas favoritas são garotos usando camisa de golpe rosa", comentou. "[O comentário da ministra] é uma gafe de moda."

Ela perguntou qual era a idade da responsável pela fala. "Isso é ultrapassado. Os tempos estão mudando e as pessoas vão ser quem são", disse. "E ideias ultrapassadas não vão impedir que isso aconteça."