CineBuzz
News / TRISTE

Moradores de rua morrem após comerem marmitas supostamente envenenadas em SP

Dois adolescentes, de 11 e 17 anos, foram internados após ingerirem as refeições

Redação Publicado em 23/07/2020, às 12h11

Duas pessoas em situação de rua morreram após ingerirem refeições supostamente envenenadas em Itapevi, na Grande São Paulo - rivaldo13/Pixabay
Duas pessoas em situação de rua morreram após ingerirem refeições supostamente envenenadas em Itapevi, na Grande São Paulo - rivaldo13/Pixabay

Duas pessoas em situação de rua morreram na madrugada de quarta-feira (22), em Itapevi, na Grande São Paulo, após ingerirem alimentos supostamente envenenados. As vítimas, José Araújo Conceição, de 65 anos, e Vagner Aparecido Gouveia de Oliveira, de 37, foram encaminhados ao Pronto Socorro Central do município, mas não resistiram.

+ Leia mais: Crianças de 3 e 10 anos saltam de janela para fugir de incêndio; assista ao vídeo

Dois adolescentes, de 11 e 17 anos, também tiveram acesso às refeições e passaram mal, sendo internados em seguida. Eles estão acompanhados dos familiares e não há informações atualizadas sobre a situação das vítimas.

Em uma publicação nas redes sociais, o prefeito de Itapevi, Igor Soares, lamentou as mortes, dizendo estar "indignado" com o acontecimento: No que for preciso, a Prefeitura contribuirá com a Polícia Cilv nas investigações para que os criminosos sejam localizados e punidos", declarou.

+ Leia mais: Criança de 5 anos tem córnea queimada em acidente com álcool gel

Ele também pontuou que a prefeitura oferece abrigo para pessoas em situação de rua, mas nem todos desejam ir para eles, inclusive as duas vítimas fatais do suposto envenenamento:

"Neste período de pandemia, o Ginásio do Centro de Iniciação ao Esporte (CIE) está sendo usado como abrigo. Lá, recebem café da manhã, almoço e janta, além de terem espaços para banho e dormir, com respeito e dignidade", explicou. "Os dois senhores que faleceram já foram abordados por assistentes sociais da Prefeitura, mas não aceitaram ir para o abrigo".

+ Leia mais: Criminoso liberta reféns na Ucrânia após presidente aceitar promover filme com Joaquin Phoenix

Publicação de prefeito de Itapevi, na Grande SP (Facebook)