CineBuzz

Angus Cloud comenta história de origem "insana" de Fezco em "Euphoria"

Ator estrelou cena explosiva com Jacob Elordi no primeiro episódio da nova temporada da série

CAMILA GOMES | @CAMILAGMS Publicado em 10/01/2022, às 11h49

Angus Cloud vive Fezco, melhor amigo de Rue, em "Euphoria - Divulgação/HBO
Angus Cloud vive Fezco, melhor amigo de Rue, em "Euphoria - Divulgação/HBO

O primeiro episódio da segunda temporada de “Euphoria”, “Trying to Get to Heaven Before They Close the Door”, foi focado em apresentar a origem de Fezco e revelar como o personagem de Angus Cloud se tornou um traficante. O capítulo inicial contou com cenas explosivas e intensas, elogiadas pelo público nas redes sociais.

“Definitivamente me surpreendeu. Quer dizer, aquela sequência de abertura é insana”, contou em entrevista à revista EW.

A trama retorna oficialmente em uma festa de Ano Novo e mostra Fez conversando com Lexi (Maude Apatow), amiga de Rue (Zendaya). Para o ator, as personalidades opostas dos personagens será o que unirá os dois. “Eu acho que eles vêm de mundos muito diferentes, e isso é algo universalmente atraente, quando alguém vem de um mundo tão diferente e tem experiências tão diferentes das de outra pessoa. É apenas novo e interessante”, afirmou.

O artista ainda comentou sobre Fezco declarar em uma das cenas que Rue é parte de sua família e como ele enxerga a tentativa da jovem de continuar sóbria. “O melhor que ele pode fazer é apenas estar lá para ela e tentar protegê-la, e apenas estar lá sempre que ela precisar de ajuda. Ele não vai apenas cortá-la completamente. Essa é a família dele, e ele estará lá não importa o que aconteça”, garante.

A cena final do primeiro episódio de “Euphoria” é a mais comentada pelos fãs nas redes sociais, que mostra Fez finalmente se vingando de Nate (Jacob Elordi): “Nate mereceu tudo o que ele recebeu [risos]. Sim, essa foi boa. Foi bom ver isso no roteiro”.

O processo de gravação da sequência de luta exigiu muitos ensaios e a garrafa usada na cena para atingir o antagonista era real: “Foram muitos movimentos de acrobacias físicas. E sim, me senti mal por acertá-lo na cabeça com aquela garrafa. Devemos ter quebrado seis ou sete garrafas, e [Jacob] estava agindo como se não doesse, mas eu sabia que doía. Eu fico tipo, ‘Oh, droga! Me desculpe, mano [risos]. Eu não posso quebrar a garrafa na sua cabeça mais leve, sabe?'”

“Quando estou fazendo essas cenas, sempre fico com medo de acidentalmente acertá-los no rosto, porque você não pode dar um soco pela metade. Não lê bem na câmera. Então seu soco tem que ser bem forte, só tem que errar. Então, se você acidentalmente acertar a pessoa, vai doer. Se eu acidentalmente fui um pouco longe demais e não interrompi, poderia ter quebrado o nariz dele. Então é assustador, é um pequeno fator de medo”, completou.

Os novos episódios da segunda temporada de "Euphoria" vão ao ar todo domingo, às 23h, na HBO e na HBO Max.