CineBuzz

Chloe Bennet muda de visual para viver Florzinha em "As Meninas Superpoderosas"

Atriz de "Agents of S.H.I.E.L.D." é uma das protagonistas da série live-action inspirada na animação

Redação Publicado em 24/03/2021, às 18h00

Chloe Bennet muda de visual para viver Florzinha na série live-action de "As Meninas Superpoderosas" - Reprodução/Marvel/Cartoon Network
Chloe Bennet muda de visual para viver Florzinha na série live-action de "As Meninas Superpoderosas" - Reprodução/Marvel/Cartoon Network

A produção da série live-action inspirada em "As Meninas Superpoderosas" está andando tão rápida quanto quanto as superheroínas: após o anúncio de que o canal CW havia encomendado o piloto da produção e as protagonistas haviam sido escolhidas, Chloe Bennet apareceu com um novo visual para viver Florzinha na novidade.

"Uma mulher, asiática, ruiva, superheroína (de novo). É isso aí! Vá em frente e normalize ser o que você quiser, meu bem", escreveu a atriz, que é conhecida por interpretar Daisy Johnson em "Agents of S.H.I.E.L.D.", série da Marvel. Além de BennetDove Cameron, da franquia "Descendentes", e a novata Yana Perrault estarão na série como Lindinha Docinho, respectivamente.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Chloe Bennet (@chloebennet)

 

+ Leia também: Miá Mello sobre "Posso Explicar", novo talk show de ciências: "Falar sobre isso nunca foi tão urgente"

Na série, LindinhaFlorzinha e Docinho são jovens de 20 e poucos anos, ressentidas por terem passado a infância lutando contra criminosos. No entanto, elas precisarão se reunir novamente e voltar ao antigo ofício, já que o mundo está precisando delas novamente.

Diablo Cody, de "Juno", e Heather Regnier, de "iZombie" e "Veronica Mars", são as responsáveis pelo projeto. Greg Berlanti, um dos criadores do "Arrowverse", atuará na produção-executiva da série. O elenco ainda não foi definido.

A versão original foi um criação de Craig McCracken, lançada em 1998. No desenho, as Meninas Superpoderosas nasciam de um acidente científico e enfrentavam vilões enquanto estavam na fase primária da escola.