CineBuzz

Quem foi D. B. Cooper, a figura misteriosa que apareceu em “Loki”?

Primeiro episódio da série faz referência ao misterioso paradeiro do sequestrador do Boeing 727

Redação Publicado em 09/06/2021, às 11h45

Quem foi D. B. Cooper, a figura misteriosa que apareceu em "Loki"? - Reprodução/Marvel Studios
Quem foi D. B. Cooper, a figura misteriosa que apareceu em "Loki"? - Reprodução/Marvel Studios

O primeiro episódio da série “Loki“, que chegou nesta quarta-feira (9) no Disney+, conta com diversas referências à franquia da Marvel Studios, mas também inclui um caso real fora da ficção. Você sabe quem foi D. B. Cooper, identidade reclamada pelo Deus da Trapaça na série?

Em 24 de novembro de 1971, véspera do Dia de Ação de Graças, um passageiro do Boeing 727, da Northwest Airlines em Portland, Oregon, nos Estados Unidos, vestido de terno e gravata, entregou um bilhete a uma aeromoça. Ela quase ignorou o papel, mas ele a alertou: “Senhorita, é melhor você olhar aquele bilhete. Eu tenho uma bomba”.

O criminoso fez a aeromoça de refém e exigiu US$ 200 mil, paraquedas e combustível para reabastecer o avião em que estavam e conseguir fugir. A funcionária passou a informação adiante, mas não comunicou aos passageiros sobre o sequestro. Por aproximadamente duas horas, a aeronave realizou voos em círculo e foi informado somente que o pouso estava atrasado devido a dificuldades mecânicas.

Com a aterrissagem, Cooper libertou os passageiros, recebeu uma maleta de dinheiro e ordenou que o avião decolasse novamente. Quando estavam no ar, ele mandou os membros da equipe da companhia aérea ficarem trancados em uma cabine, acionou a escada traseira e deixou o avião com os paraquedas, mas nunca foi encontrado.

O criminosos desapareceu de forma misteriosa, levantando dúvidas sobre seu paradeiro até hoje. De acordo com a investigação realizada pelo FBI, D. B. Cooper provavelmente não sobreviveu ao salto, mas o caso só foi encerrado pela agência em 2016 e é considerado até hoje um roubo perfeito.

 Aproveitando-se de todo o mistério do caso, a série da Marvel apropriou-se da narrativa e colocou D. B. Cooper como o vilão interpretado por Tom Hiddleston. O caso foi recriado no episódio de estreia de “Loki” e mostra momentos do assalto, com o vilão assumindo a responsabilidade eurante um interrogatório na AVT e divertindo Mobius (Owen Wilson).

Loki também confessa que tudo não passou de uma aposta feita com seu irmão, Thor (Chris Hemsworth) e a sequência ainda “desvenda” a ponta solta na história envolvendo o sumiço do criminoso. Na cena, o vilão pula do avião e é salvo pela Bifrost, a ponte do arco-íris asgardiana controlada por Heimdall (Idris Elba).

 

SOBRE “LOKI”

“Loki” mostra o que aconteceu ao Deus da Trapaça após os eventos de “Vingadores: Ultimato” (2019). Depois de conseguir fugir, ele acaba capturado pela Autoridade de Variação Temporal (AVT) e, acusado de romper a Linha do Tempo Sagrada, ganha uma segunda chance de se redimir ao ser apresentado com o desafio de capturar uma variante que está causando problemas no tempo e espaço.

Além de Tom Hiddleston, o elenco de “Loki” ainda conta com Owen Wilson (“Penetras Bons de Bico”), Gugu Mbatha-Raw (“O Paradoxo Cloverfield’), Sophia Di Martino (“Yesterday”), Jack Veal (“The End of the Fucking World”), Wunmi Mosaku (“Lovecraft Country”) e Richard E. Grant (“Star Wars: A Ascensão Skywalker”).

A produção é a terceira série original do Universo Cinematográfico da Marvel e chega ao Disney+ logo após “WandaVision” e “Falcão e o Soldado Invernal”. Ao todo, “Loki” terá seis episódios, que serão lançados toda semana a partir do dia 9 de junho.