CineBuzz
Facebook CineBuzzTwitter CineBuzzInstagram CineBuzz
Streaming / NOVIDADE

MUBI celebra o Mês do Orgulho LGBTQIA+ com programação especial

Filmes de Xavier Dolan, Alexis Langlois e estreias reforçam o especial da MUBI

ANGELO CORDEIRO | @ANGELOCINEFILO Publicado em 20/06/2022, às 11h58

MUBI celebra o Mês do Orgulho LGBTQIA+ com programação especial - Divulgação/MUBI
MUBI celebra o Mês do Orgulho LGBTQIA+ com programação especial - Divulgação/MUBI

Em comemoração ao Mês do Orgulho LGBTQIA+, a MUBI, distribuidora, produtora e serviço de streaming com curadoria, preparou uma programação dedicada ao cinema queer.

Especiais de Xavier Dolan e do experimental Alexis Langlois se juntam a estreias exclusivas e à coleção ORGULHO SEM PRECONCEITO: O CINEMA LGBTQ+, somando mais de 40 títulos.

É Apenas o Fim do Mundo: Os Filmes de Xavier Dolan destaca a obra do cineasta canadense, essencial no Novo Cinema Queer, com os filmes "Mamã", "É Apenas o Fim do Mundo", "Tom na Fazenda" e "Matthias & Maxime".

Glitter Sangrento: O Cinema Queer de Alexis Langlois traz os curtas mais recentes do premiado cineasta francês. Comédias subversivas e surreais que exploram identidade sexual, transfobia e comunidade: "Terror, Sisters!" e "The Demons of Dorothy".

Dois filmes exclusivos MUBI completam as novidades da programação LGBTQIA+: o georgiano "Wet Sand" (Elene Naveriani, 2021), que conta uma história de amor poderosa e cheia de mistério; e o argentino "Our Bodies Are Your Battlefields" (Isabelle Solas, 2021), que chega à plataforma em 22 de junho, e apresenta um retrato íntimo da vida de duas mulheres trans enquanto lideram a luta contra a violência patriarcal.

Entre outros títulos do especial ORGULHO SEM PRECONCEITO: O CINEMA LGBTQ+, estão "Mistérios da Carne", de Gregg Araki; "Tangerina", de Sean Baker; os documentários nacionais "Transamazonia", de Renata Taylor, Bea Morbach e Débora McDowell, "Lembro Mais dos Corvos" e "A Rosa Azul de Novalis", de Gustavo Vinagre; "O Fantasma" e "Morrer Como um Homem", do português João Pedro Rodrigues; e "Pride – Orgulho e Esperança", de Matthew Warchus, vencedor da Queer Palm em Cannes, em 2014.


+ Já segue o CineBuzz nas redes sociais? Então não perde tempo!