CineBuzz
TV e Séries / TV / REALITY

Jogador Richarlyson é o vencedor do Made in Japão, apresentado por Sabrina Sato

O ex-jogador levou para casa o prêmio de R$ 500 mil

Redação Publicado em 28/06/2020, às 21h43

Final  Made in Japão - Lucas Mennezes/Divulgação
Final Made in Japão - Lucas Mennezes/Divulgação

Na noite deste sábado, 27, a apresentadora Sabrina Sato revelou ao vivo a vitória do atleta Richarlyson no reality show Made in Japão. Ele levou pra casa o prêmio de R$ 500 mil, após disputar a final com Maurren Maggi e Flávio Mendonça, que ficaram em segundo e terceiro lugar, respectivamente.

Após o nome do vencedor ser anunciado, o ex-boleiro agradeceu e se ajoelhou, em lágrimas.

"Eu vou chorar mesmo, não acredito! Eu sempre pensei no coletivo, no time. Nunca pensei individualmente", desabafou, emocionado. Richarlyson teve uma trajetória de muito foco e superação no programa, mantendo o espírito competitivo e a emoção sempre elevados.

A final do Made In Japão também marcou a estreia de Sabrina Sato solo em um programa ao vivo na TV. Ela tirou de letra o desafio e esbanjou carisma. Para a ocasião Sabrina escolheu um vestido longo branco com detalhes em preto de Giuseppe di Morabito, sandálias Jimmy Choo, joias Valentina Clermann e brincos Y/Project. O styling foi de Pedro Sales e a beleza assinada por Rodrigo Costa.

ELIMINATÓRIAS

Durante o programa ao vivo, Sabrina esclareceu como seria a dinâmica adotada para a definição dos finalistas: dos nove candidatos em jogo, apenas os seis mais bem classificados passariam para a semifinal, quando zeraria o placar e de onde sairia o trio postulante ao prêmio.

Nas provas, que ainda valiam pontos, despediram-se da atração Luiza Ambiel, Babi Muniz e Dhomini. Os três foram os últimos colocados do placar. Na semifinal, os participantes Dani Hypólito, Gui Santana e Silvana deixarem a competição. As provas haviam sido realizadas em fevereiro, mas o resultado final (desconhecido pelo elenco) era segredo guardado a sete chaves. No anúncio em tempo real, transmitido apenas com os três finalistas no palco, foram seguidos os protocolos de segurança e distanciamento. Os demais competidores torceram à distância, conectados a uma plataforma de vídeo, e apareceram na transmissão por meio de um telão.

Formato inédito no Brasil, o Made In Japão reuniu um time de celebridades que disputaram o prêmio de R$ 500 mil enfrentando as mais loucas provas em estilo japonês, além do convívio ao longo de 25 dias de confinamento.


+ Itens para maratonar filmes em casa:

1. Pipoqueira Philco: https://amzn.to/3746SUt

2. Almofada porta-pipoca: https://amzn.to/2sxJ0JK

3. Smart TV LED Panasonic: https://amzn.to/38kZXGr

4. Fire TV Stick: https://amzn.to/30xAnLH

5. Home Theater Philco: https://amzn.to/38hufKl

6. Poltrona reclinável, K.R. Móveis: https://amzn.to/2Nz93Yi

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis, e a Exitoína pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.