CineBuzz
Cinema / TRAGÉDIA

Caso Alec Baldwin: Entenda como funcionam as armas cenográficas

Acidente no set de filmagens de "Rust" levantou discussão sobre uso de armas reais nos set de filmagens

Redação Publicado em 22/10/2021, às 14h00

Alec Baldwin em "Missão Impossível - Efeito Fallout" (2018) - (Divulgação/Paramount Pictures)
Alec Baldwin em "Missão Impossível - Efeito Fallout" (2018) - (Divulgação/Paramount Pictures)

A notícia de que uma arma cenográfica usada por Alec Baldwin matou acidentalmente a diretora de fotografia Halyna Hutchins no set do filme "Rust" na quinta-feira (21), no estado americano do Novo México, levantou um debate sobre o uso de armas de fogos reais no cinema.

Segundo um comunicado do gabinete do Xerife do Condado de Santa Fé, local onde ocorreu o incidente, os "detetives estão investigando como e que tipo de munição foi disparada".

É comum usarem usarem as balas de festim, já que elas se tratam de balas reais porém modificadas. As balas reias são compostas por um cartucho, que conta com uma cápsula contendo a pólvora propelente. Quando a arma é disparada, ela acende o propelente, disparando o projétil preso na frente da cápsula.

No caso das balas de festim, a área do projétil contém materiais como algodão ou papel presos na frente, que é exatamente a parte da munição que é arremessada durante o tiro e atinge o alvo. Assim, quando ela é disparada, o efeito visual e o som da explosão é igual ao das armas convencionai, mas não causam ferimentos.

O incidente envolvendo Baldwin ocorreu durante as filmagens no Rancho de Bonanza Creek, ao sul de Santa Fe. Hutchins tinha 42 anos e chegou a ser socorrida por helicóptero e levada ao hospital da Universidade do Novo México, em Albuquerque, mas não resistiu aos ferimentos.

Segundo o site norte-americano Variety, que averiguou o caso com o Departamento do Xerife de Santa Fe, nos Estados Unidos, o astro também feriu o diretor do projeto, Joel Souza, durante os disparos. Souza foi levado para o hospital e já recebeu alta.