CineBuzz
Busca
Facebook CineBuzzTwitter CineBuzzInstagram CineBuzz
Cinema / SE LIGA!

Linda Cardellini adorou que Velma tenha se revelado lésbica no novo filme "Scooby-Doo"

A atriz interpretou Velma nos dois filmes live-action de 'Scooby-Doo' nos anos 2000

FERNANDA AZEVEDO | @fenovello Publicado em 11/11/2022, às 17h00 - Atualizado às 17h37

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Linda Cardellini, interpretar de Velma nos live-action de "Scooby Doo", diz que adorou a personagem ter se revelado lésbica - Reprodução: Warner Bros. Pictures
Linda Cardellini, interpretar de Velma nos live-action de "Scooby Doo", diz que adorou a personagem ter se revelado lésbica - Reprodução: Warner Bros. Pictures

Linda Cardellini ("Disque Amiga Para Matar"), intérprete de Velma nos filmes live-action de "Scooby-Doo" só tem elogios a personagem que recentemente se revelou lésbica no novo filme de animação da franquia: "Trick or Treat Scooby-Doo!".

Em uma conversa com a Entertainment Weekly, a atriz quando questionada sobre a notícia disse: "Velma existe desde 1969; eu acabei de fazer doces ou travessuras [no Halloween] com minha filha e havia muitas Velmas por aí, então eu amo que ela ainda tenha esse lugar na cultura, estando ativa há décadas." Ela continuou dizendo: "E eu amo - você sabe, acho que foi sugerido tantas vezes, e acho ótimo que finalmente esteja por aí". Cardellini interpretou surpreendentemente a amante de suéter laranja nos dois filmes live-action.

Não só os fãs já apostavam que Velma é lésbica como alguns produtores, que trabalharam em projetos da franquia "Scooby-Doo!" ao longo dos anos, defenderam o mesmo, incluindo James Gunn, que dirigiu as adaptações em live-action, e o supervisor da série animada de 2010, Tony Cervone.

Cervone revelou em um post no Instagram que Velma era lésbica e que eles deixaram suas "intenções o mais claras que puderam na época". "A maioria dos nossos fãs pegou. Àqueles que não notaram, sugiro que olhem com mais atenção. Não há novidade aqui", escreveu em 2020, ao celebrar o Mês do Orgulho LGBTQIA+.

 Gunn revelou em suas redes sociais que, ao fazer os dois filmes live-action da franquia, tentou falar abertamente sobre a sexualidade de Velma, mas não teve o aval do estúdio para tratar do assunto.

"Em 2001, Velma era explicitamente lésbica no meu roteiro original. Mas o estúdio foi diluindo, diluindo até se tornar ambíguo (a versão gravada) e, então, inexistente (a versão lançada). Até ela finalmente ter um namorado (sequência)", contou o cineasta. No segundo filme, o ator Seth Green ("Buffy: A Caça-Vampiros") foi introduzido na trama como interesse amoroso da personagem.

Mas o que era especulação e tentativa, finalmente, será cânone. Em dois vídeos inéditos de "Trick or Treat Scooby-Doo!", a mente por trás da Mystery Inc. se apaixona à primeira vista pela designer Coco Diablo, marcando a primeira vez que uma produção da franquia falou abertamente da sexualidade da personagem.


Qual foi o melhor filme de 2022 até agora? Vote no seu favorito!

  • "Spencer"
  • "Licorice Pizza"
  • "The Batman"
  • "Medida Provisória"
  • "Animais Fantásticos: Os Segredos de Dumbledore"
  • "Doutor Estranho no Multiverso da Loucura"
  • "Top Gun: Maverick"
  • "Jurassic World: Domínio"
  • "Lightyear"
  • "Trem-Bala"
  • "Tudo em Todo o Lugar ao Mesmo Tempo"
  • "Thor: Amor e Trovão"
  • "X: A Marca da Morte"
  • "Não! Não Olhe!"
  • "Marte Um"
  • "A Mulher Rei"
  • "Não Se Preocupe, Querida"
  • "Abracadabra 2"
  • "Blonde"
  • "Morte, Morte, Morte"

+ Já segue o CineBuzz nas redes sociais? Então não perde tempo!


Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!