CineBuzz
Cinema / Eita!

"Marighella" é atacado no IMDB e site muda forma de cálculo da nota

Antes da alteração, o filme possuía a média 4 no site

Thamyris Couto| @thamy_couto Publicado em 29/10/2021, às 08h59 - Atualizado às 09h15

"Marighella" é atacado no IMDB e site muda forma de cálculo da nota - Divulgação/Paris Filmes
"Marighella" é atacado no IMDB e site muda forma de cálculo da nota - Divulgação/Paris Filmes

"Marighella" sofreu um grande ataque de haters no IMDB, site que possuis dados cinematográficos e televisivos que também atribui nota as produções. Com isso, o filme que estava com uma média de 4, foi para 6.5 após o site mudar sua forma de calcular a média.

Seguindo as iformações dadas pela Folha de S. Paulo, o filme de Warner Moura recebeu tal nota após ter mais de 34 mil pessoas que deram nota 1 ao filmes, muitas mesmo sem assistí-lo. Após o ocorrido, o IMDB emitiu um comunicado que ficou salvo em sua página. Confira:

"Nosso mecanismo de avaliação detectou atividade incomum de votação para este título. Para preservar a confiabilidade do nosso sistema de avaliação, um cálculo alternativo de notas foi aplicado".

Com uma outra tentativa de esclarecer o ocorrido, o IMDB deu uma declaração à Folha informando que "a forma mais simples de explicar é que, apesar de aceitarmos e considerarmos todas as notas enviadas por usuários, nem todas elas têm o mesmo impacto —ou peso— na média final. Quando uma atividade incomum é detectada, nós alteramos os pesos desse cálculo", explicaram sem revelar a fórmula que usam para tal.

 

SOBRE "MARIGHELLA"

A história narra os últimos anos de Carlos Marighella (Seu Jorge), guerrilheiro que tenta divulgar sua luta contra a ditadura para o povo brasileiro, mas a censura descredita a revolução. Seu principal opositor é Lucio (Bruno Gagliasso), policial que o rotula de inimigo público nº 1. Quando o cerco se fecha, o próprio Marighella é emboscado e morto - mas seus ideais sobrevivem nas ações dos jovens guerrilheiros, que persistem na revolução.

O filme passou por importantes festivais em diversas cidades mundo afora, como Berlim, Seattle, Hong Kong, Sydney, Santiago, Havana, Istambul, Atenas, Estocolmo, Cairo, entre cerca de 30 exibições em países dos cinco continentes, e terá pré-estreias a partir do dia 1 de novembro em todo Brasil.

O filme chegará aos cinemas brasileiros em 4 de novembro de 2021, data que marca os 52 anos do assassinato de Carlos Marighella pela Ditadura Militar Brasileira, em 1969.