CineBuzz
Busca
Facebook CineBuzzTwitter CineBuzzInstagram CineBuzz
Cinema / EITA!

Por que “Avatar: O Caminho da Água” é odiado na Nova Zelândia?

Em meio às acusações de perturbação durante a pandemia e apropriação cultural em “Avatar”, James Cameron fala sobre o assunto em entrevista. Confira!

Redação Publicado em 31/01/2023, às 15h00

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Em meio às acusações de perturbação durante a pandemia e apropriação cultural em “Avatar”, James Cameron fala sobre o assunto em entrevista. - Reprodução/20th Century Studios
Em meio às acusações de perturbação durante a pandemia e apropriação cultural em “Avatar”, James Cameron fala sobre o assunto em entrevista. - Reprodução/20th Century Studios

“Avatar: O Caminho da Água” é uma das provas de que James Cameron sabe fazer sucesso em qualquer década, não importa como. O filme vem sendo sucesso de bilheteria, e já ultrapassou grandes títulos da indústria como “Vingadores: Guerra Infinita”, da Marvel.

Muitos não sabem, mas a Nova Zelândia é um dos locais de gravação da franquia, porém, o que é um tremendo sucesso pelo planeta, não é tão querido entre boa parte da população do país. Com a economia local crescendo e ganhando rios de dinheiro com a locação de Cameron e sua equipe, nem todos os residentes do país da Oceania parecem estar felizes com o longa-metragem.

Além de receber fortes críticas por apropriação cultural por parte da comunidade indígena local, “Avatar” está sendo acusado de glorificar o colonialismo e o genocídio. Ao The Washington Post, o morador de Christchurch, Cheney Poole criticou o enredo do filme, e apontou os graves erros da produção ao romantizar a colonização:

Isso romantiza muito a ideia do que não apenas os maoris estão passando, mas muitas culturas indígenas ao redor do mundo e quase minimiza o sofrimento

Outro fator que faz com que a produção de Cameron seja detestada pelos neozelandeses, é que durante o auge da pandemia de Covid-19, em 2020, o cineasta e seu time de produção conseguiram uma autorização especial que permitia os trabalhos no país mesmo com suas fronteiras totalmente fechadas. A situação desagradou empresários e residentes locais.

O QUE DIZ JAMES CAMERON?

Apesar de apontar, por diversos momentos, que “Avatar” é altamente benéfico para Nova Zelândia e seus habitantes, o diretor parece ter ouvido as reclamações e argumentos dos moradores, e respondeu sobre as acusações de apropriação cultural no longa:

Acho que o importante é ouvir e ser sensível aos problemas que as pessoas têm… As pessoas que foram vítimas históricas estão sempre certas. Não cabe a mim, falando de uma perspectiva de privilégio branco, se você quiser, dizer a eles que eles estão errados. Eu tenho que ouvir. Eu tenho que dizer: ‘Ok, se é isso que você está sentindo, é o que você está sentindo’. E é válido. É inútil eu dizer: ‘Bem, essa nunca foi minha intenção

“Avatar: O Caminho da Água” está em cartaz nos cinemas, e não há, até o momento, data oficial para sua entrada no catálogo do Disney+.

Para qual lançamento de 2023 você está mais ansioso? Vote em seu filme favorito!

  • "Homem-Formiga e a Vespa: Quantumania" (16 de fevereiro)
  • "A Baleia" (23 de fevereiro)
  • "Pânico VI" (9 de março)
  • "Shazam! Fúria dos Deuses" (16 de março)
  • "John Wick 4: Baba Yaga" (23 de março)
  • "Super Mario Bros. O Filme" (30 de março)
  • "Dungeons & Dragons: Honra Entre Rebeldes" (13 de abril)
  • "Guardiões da Galáxia: Volume 3" (4 de maio)
  • "Velozes & Furiosos 10" (18 de maio)
  • "A Pequena Sereia" (25 de maio)
  • "Homem-Aranha: Através do Aranhaverso" (1º de junho)
  • "The Flash" (16 de junho)
  • "Indiana Jones e o Chamado do Destino" (29 de junho)
  • "Missão Impossível: Acerto de Contas - Parte 1" (13 de julho)
  • "Barbie" (20 de julho)
  • "Oppenheimer" (20 de julho)
  • "Besouro Azul" (17 de agosto)
  • "As Marvels" (27 de julho)
  • "Jogos Vorazes: A Cantiga dos Pássaros e das Serpentes" (16 de novembro)
  • "Aquaman e o Reino Perdido" (21 de dezembro)

+ Já segue o CineBuzz nas redes sociais? Então não perde tempo!


Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!