CineBuzz
Busca
Facebook CineBuzzTwitter CineBuzzInstagram CineBuzz
Música / ENTREVISTA

Jão detalha relação com fãs e os limites cruzados: "Às vezes assusta"

No melhor momento de sua carreira, o cantor é capa da mais nova edição digital da Rolling Stone Brasil, parceira de CineBuzz

Redação Publicado em 08/09/2022, às 23h00 - Atualizado em 09/09/2022, às 11h00

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Jão é capa da mais nova edição digital da Rolling Stone Brasil, parceira de CineBuzz - Gabriela Schmidt/Rolling Stone Brasil
Jão é capa da mais nova edição digital da Rolling Stone Brasil, parceira de CineBuzz - Gabriela Schmidt/Rolling Stone Brasil

Acontece com alguma frequência: Jão mal termina "Vou Morrer Sozinho", poucas músicas show adentro, e uma fã é retirada da plateia em emoção catatônica. A cena se repete pouco depois, em "Me Beija com Raiva". E de novo em "Ainda Te Amo" e em "A Última Noite". Antes que ele faça chover no palco com "Olhos Vermelhos", e que encerre o set com "Idiota", mais de uma dezena de jovens fãs serão removidos da apresentação, em uma espécie de êxtase catártico.

A cena toda lembra um longínquo 1964, quando os Beatles enlouqueciam tantas jovens em sua primeira turnê pelos Estados Unidos. Mas não estamos em 1964. No Brasil de 2022, é uma só voz que mobiliza milhares de fãs pelo país, com letras francas e românticas, e uma atitude de dândi, que hoje começa a se reconhecer melhor como centro do sucesso que movimenta.

"Eu sou uma pessoa que geralmente não se diverte no processo", entrega Jão. "Tenho um problema em estar centrado no momento, em perceber as coisas dando certo e estar feliz. Não processo muito bem. Dessa vez tô fazendo isso como exercício e conseguindo".

Motivos para ficar feliz não faltam: com 31 dos 39 shows de sua turnê "Pirata" esgotados, Jão é hoje headliner por onde passa. Seu show no Lollapalooza foi um dos mais memoráveis - talvez pelo imenso polvo azul com quem dividiu o palco, é verdade. Para o Rock in Rio, onde se apresenta nesta sexta (9), ele promete emocionar com uma homenagem especial ao cantor Cazuza, uma de suas maiores inspirações e dono de um dos shows mais icônicos da história do festival.

Leia a entrevista completa de Jão, que é capa da nova edição Rolling Stone Brasil, parceira de CineBuzz, clicando aqui!


E lá se foi metade do ano... Até agora, qual foi o melhor filme de 2022?

  • "O Beco do Pesadelo"
  • "Spencer"
  • "Morte no Nilo"
  • "Uncharted"
  • "Licorice Pizza"
  • "The Batman"
  • "Sonic 2: O Filme"
  • "Medida Provisória"
  • "Animais Fantásticos: Os Segredos de Dumbledore"
  • "Doutor Estranho no Multiverso da Loucura"
  • "O Homem do Norte"
  • "O Peso do Talento"
  • "Top Gun: Maverick"
  • "Jurassic World: Domínio"
  • "Lightyear"
  • "Tudo em Todo o Lugar ao Mesmo Tempo"

+ Já segue o CineBuzz nas redes sociais? Então não perde tempo!


Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!