CineBuzz

“Loki”: Tom Hiddleston está satisfeito por ver a Marvel abordar a fluidez de gênero do personagem

Vídeo promocional da série confirmou a informação

Redação Publicado em 21/06/2021, às 12h40

Tom Hiddleston afirma que está satisfeito por ver a Marvel abordar a fluidez de gênero de Loki - Reprodução/Marvel Studios
Tom Hiddleston afirma que está satisfeito por ver a Marvel abordar a fluidez de gênero de Loki - Reprodução/Marvel Studios

Assim como nos quadrinhos, recentemente a Marvel confirmou que, na série do Deus da Trapaça para o Disney+, Loki também é um personagem de gênero-fluido, isto é, que se identifica com mais de uma identidade de gênero.

Em entrevista, oator Tom Hiddleston, que interpreta o irmão de Thor (Chris Hemsworth) no Universo Cinematográfico da Marvel, revelou que também ficou satisfeito que a fluidez do personagem e sua inclinação para a metamorfose esteja sendo abordada na trama.

“Está na história do personagem há centenas, senão milhares de anos. Loki é um trapaceiro. Limites e identidade sempre foram fluidos e eu realmente gostei disso. Lembro-me mesmo quando fui escalado pela primeira vez, lendo sobre essas coisas, e estou muito satisfeito por termos um lugar para explorá-lo”, disse à MTV.

Na mitologia dos quadrinhos, as transformações do personagem ocorrem com frequência. Certa vez, ele se transformou em um cavalo e acabou grávido, dando à luz um corcel de oito patas chamado Sleipnir. Ele também já foi uma donzela para se infiltrar no casamento de um gigante e recuperar o martelo de seu irmão; e já gerou três filhos com uma giganta chamada Angrboda, sendo uma cobra, um lobo e um zumbi.

Na série “Loki”, elas serão abordadas como as Variantes do protagonista, que estão bagunçando o multiverso e causando problemas à AVT. A primeira delas apareceu no segundo episódio como Lady Loki, vivida por Sophia Di Martino (“Flowers”) .