CineBuzz
Busca
Facebook CineBuzzTwitter CineBuzzInstagram CineBuzz
TV e Séries / Séries

Evan Peters: os 5 psicopatas já interpretados pelo ator

Ator, que viveu Jeffrey Dahmer em série da Netflix, já interpretou outros psicopatas nas telinhas

Redação Publicado em 07/11/2022, às 20h30

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Confira personagens de psicopatas já interpretados por Evan Peters - Crédito: Reprodução
Confira personagens de psicopatas já interpretados por Evan Peters - Crédito: Reprodução

Se você se interessa por séries de true crime, com certeza já ouviu falar no nome de Evan Peters, não é mesmo? O ator, que viveu recentemente o serial killer Jeffrey Dahmer na série da Netflix, é conhecido pelo seu talento e versatilidade. E o que nem todos sabem é que interpretar um psicopata não foi uma novidade tão grande para o ator. Afinal, durante seus 18 anos de carreira, já interpretou 5 criminosos que chocaram o mundo nas telinhas.

Conheça um pouco mais das histórias dos psicopatas interpretados por Evan Peters:

1. Jeffrey Dahmer em “Dahmer: um canibal americano” (2022):

A nova série da Netflix tornou-se muito famosa pelo mundo todo, tanto por abordar a brutalidade dos crimes cometidos pelo assassino, quanto pela atuação impecável de Evan Peters. Conhecido por ser um dos piores serial killers da história, Jeffrey Dahmer assassinou 17 homens entre 1978 e 1991 nos Estados Unidos, e seus crimes envolviam estupro, necrofilia e canibalismo.

Durante o processo de produção da série, Peters disse ter assistido muitas horas de entrevistas e gravações de depoimentos do próprio criminoso, além de ter lido diversos livros sobre ele. E não para por aí: o ator também trabalhou com um treinador vocal para aprender seus padrões de discurso e, até mesmo, usou roupas e acessórios que pertenceram ao criminoso na vida real!

Crédito: Reprodução
Crédito: Reprodução

2. Tate Langdon, em “American Horror Story: Murder House” (2011):

Na primeira temporada da famosa série, Evan Peters interpretou Tate Langdon, o fantasma de um garoto que sofria bullying na escola e, agora, estava vivendo em uma mansão assombrada de Los Angeles. Conforme os episódios se passam, descobrimos que, na verdade, o adolescente era um terrível assassino que armou um massacre no colégio em que estudava, matando dezenas de pessoas e se suicidando no final. 

O personagem é baseado nos casos reais de atentados em escolas nos Estados Unidos, como o de Columbine, em 1999, no qual os adolescentes Eric Harris e Dylan Klebold mataram 13 pessoas - incluindo colegas e professores - e se suicidaram.

Crédito: Reprodução
Crédito: Reprodução

3. James March, em “American Horror Story: Hotel” (2014):

Na quinta temporada da série, Evan Peters é James Patrick March, um empresário que mandou construir o Hotel Cortez. Diversos acontecimentos terríveis tomam conta do local, onde mais de 300 pessoas morrem. Os espíritos das vítimas, por sua vez, ficam presos no por lá e continuam sendo torturados por March. Em certo momento da série, March organiza no hotel um jantar de Dia das Bruxas que conta com a presença de vários serial killers da vida real, como Aileen Wuornos, John Gacy e até mesmo Jeff Dahmer.

Apesar de ser um personagem ficcional, James March é inspirado em um assassino em série que realmente existiu no século 19: Henry Howard Holmes (ou H. H. Holmes). Dono de um hotel em Chicago, o homem matava e torturava seus hóspedes, matando cerca de 200 pessoas.

Crédito: Reprodução
Crédito: Reprodução

4. Kai Anderson, em “American Horror Story: Cult” (2017):

Um dos personagens mais marcantes de Peters deu-se na sétima temporada de American Horror Story, quando interpretou Kai Anderson, líder de uma seita nos Estados Unidos. O personagem é fictício, porém tem como base histórias reais de líderes de seita que cometeram crimes terríveis, como Charles Manson e Jim Jones.

Crédito: Reprodução
Crédito: Reprodução

5. Charles Manson, em “American Horror Story: Cult” (2017):

Na temporada de American Horror Story em que interpretou Kai Anderson, Evan Peters também é Charles Manson durante algumas das alucinações do personagem com assassinos famosos. 

Nascido nos Estados Unidos, Charles Manson foi um criminoso que, no ano de 1967, recrutou jovens hippies na Califórnia e fundou uma seita religiosa denominada “Família Manson”. O grupo, que enxergava o líder como um verdadeiro deus, cometeu nove assassinatos em 1969, incluindo o da famosa atriz Sharon Tate, que era casada com o cineasta Roman Polanski e estava grávida de oito meses na época.

Crédito: Reprodução
Crédito: Reprodução


Confira livros sobre true crime disponíveis na Amazon:

1. Meu amigo Dahmer: estudando com um serial killer, de Derf Backderf: https://amzn.to/3zHQwkx

Reprodução/Amazon
Reprodução/Amazon

2. Columbine, de Dave Cullen: https://amzn.to/3DZL3bC

Reprodução/Amazon
Reprodução/Amazon

3. H. H. Holmes: Maligno - O Psicopata da Cidade Branca, de Harold Schechter: https://amzn.to/3FIhkVH

Reprodução/Amazon
Reprodução/Amazon

4. Manson: a biografia, de Jeff Guinn: https://amzn.to/3sVocaz

Reprodução/Amazon
Reprodução/Amazon


Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis, e o Cinebuzz pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/3J5EkvW

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/3DHzEv0

Baixe agora o aplicativo da Amazon: https://amzn.to/3KIjt4g

+ Já segue o CineBuzz nas redes sociais? Então não perca tempo!

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!