CineBuzz
Cinema / Premiações / SAG AWARDS

Ariana DeBose é a primeira atriz latina a vencer o SAG: "As portas estão se abrindo"

Atriz venceu na categoria de Melhor Atriz Coadjuvante por sua atuação em "Amor, Sublime Amor"

ANGELO CORDEIRO | @ANGELOCINEFILO Publicado em 28/02/2022, às 12h33

Ariana DeBose é a primeira atriz latina a vencer o SAG: "As portas estão se abrindo" - Divulgação/Getty Images: Frazer Harrison
Ariana DeBose é a primeira atriz latina a vencer o SAG: "As portas estão se abrindo" - Divulgação/Getty Images: Frazer Harrison

Ariana DeBose fez história ao vencer o prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante no SAG Awards por sua atuação em "Amor, Sublime Amor", remake do clássico homônimo dirigido por Steven Spielberg.

Com a vitória, DeBose se tornou a primeira atriz latina a ganhar um prêmio de cinema no Sindicato dos Atores de Hollywood, além de ser a primeira mulher negra assumidamente queer a ser reconhecida na premiação.

É indicativo de que as portas estão se abrindo”, disse DeBose a repórteres na sala de mídia virtual dos bastidores. “É uma honra para uma mulher afro-latina queer, negra, dançarina, cantora e atriz.

DeBose disse ainda estar ciente da importância de ser uma das primeiras e que igualmente significativo, para ela, é o sinal de que “é indicativo de que não serei a última. Essa é a parte importante. Quaisquer que sejam as primeiras coisas ligadas ao meu nome, elas são importantes para mim, mas estou focado no fato de que, se eu for a primeira de qualquer coisa, significa que não serei a última.

Anteriores a DeBose, somente Salma Hayek, por “Frida”, em 2003, e Catalina Sandino Moreno, por “Maria Cheia de Graça”, em 2005, foram as latinas indicadas à categoria de atriz principal. Já em atriz coadjuvante, Adriana Barraza por “Babel”, em 2007, e Jennifer Lopez por “As Golpistas”, em 2020, foram as representantes latinas.