CineBuzz
Busca
Facebook CineBuzzTwitter CineBuzzInstagram CineBuzz
Música / EITA!

Katy Perry e Kesha são criticadas por causa do serial killer Jeffrey Dahmer; entenda o caso

"Jeffrey Dahmer: Um Canibal Americano": , disponível na Netflix, conta a história serial killer canibal

FERNANDA AZEVEDO | @fenovello Publicado em 27/09/2022, às 14h00

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Jeffrey Dahmer é mencionado nas músicas “Dark Horse”, de Katy Perry com Juicy J, e “Cannibal”, de Kesha. - Reprodução: Netflix
Jeffrey Dahmer é mencionado nas músicas “Dark Horse”, de Katy Perry com Juicy J, e “Cannibal”, de Kesha. - Reprodução: Netflix

Desde a estreia de "Dahmer: O Canibal Americano", na Netflix, a produção se encontra entre os assuntos mais comentados e compartilhados das redes sociais, ocasionando inúmeros debates. O mais recente envolvendo os nomes das cantoras Katy Perry e Kesha por terem em suas músicas versos sobre o serial killer.

Com dez episódios, a série criminal criada por Ryan Murphy ("Pose") e com Evan Peters ("American Horror Story") no papel principal, conta a história do criminoso e os métodos cruéis e brutais que utilizava. Dahmer não apenas matava as vítimas, como também praticava canibalismo. Esse último aspecto sendo referenciado nas músicas “Dark Horse”, de Katy Perry com Juicy J, e “Cannibal”, de Kesha.

Em "Dark Horse" o rapper Juicy J canta: "Ela come seu coração como Jeffrey Dahmer”. Já Kesha, em "Cannibal", diz: "Seja muito doce, e você será um caso perdido. Sim, eu vou fazer como Jeffrey Dahmer.". A última inclusive realizava uma encenação, nas apresentações de "Cannibal", durante sua turnê, onde arrancava o coração do dançarino e bebia o sangue dele. Tendo a atitude sido bastante criticada na época.

Ao relembrar as letras, a informação simplesmente viralizou. "chocado que vocês só descobriram agora depois da série na Netflix que o Jeffrey Dahmer a quem Juicy J se referia em Dark Horse da Katy Perry era o mesmo.  'She eat your heart out like Jeffrey Dahmer', NUNCA PESQUISARAM?", escreveu um usuário do Twitter. "A Kesha tendo que excluir essa das plataformas depois da série do Jeffrey Dahmer", comentou outro. Veja as reações abaixo:

É importante lembrar que este não é um caso isolado, tendo outros artistas mencionado o serial killer em suas músicas como "Dirty Frank", da banda Pearl Jam, e "Things Get Worse", do rapper Eminem

"Dahmer: Um Canibal Americano" já está disponível na Netflix

SOBRE "DAHMER: O CANIBAL AMERICANO"

Estrelada por Evan Peters, o ator interpreta o assassino em série, Jeffrey Dahmer, que entre os anos de 1978 e 1991, assassinou 17 homens e garotos. 

Contendo 10 episódios, a produção irá analisa os terríveis crimes cometidos pelo serial killer e os problemas sistêmicos que permitiram que um dos maiores assassinos em série dos Estados Unidos continuasse agindo com total impunidade ao longo de mais de uma década. Chocando o país pelos métodos cruéis e brutais que utilizava contra suas vítimas.

"Dahmer: O Canibal Americano" conta ainda com Richard Jenkins ("Six Feet Under") e Penelope Ann Miller ("Os Mensageiros")  interpretando, respectivamente, o pai e a mãe de Jeffrey Dahmer. Ryan Murphy ("American Horror Story") e Ian Brennan ("The Politician") são os cocriadores do projeto. 

Considerado um dos queridinhos de Ryan Murphy, a minissérie é o terceiro projeto em que o produtore Peters trabalham juntos, tendo anteriormente se encontrado em "American Horror Story" – onde participou de inúmeras temporadas – e 'Pose".


Com muitos lançamentos vindo ainda em 2022, qual você está mais ansioso(a) para assistir? Vote no seu favorito!

  • "Blonde" (Estreia em 28/09)
  • "Morte Morte Morte" (Estreia em 06/10)
  • "Amsterdã" (Estreia em 06/10)
  • "Halloweens Ends" (Estreia em 13/10)
  • "Adão Negro" (Estreia em 20/10)
  • "Pantera Negra: Wakanda Para Sempre" (Estreia em 10/11)
  • "Avatar: O Caminho da Água" (Estreia em 15/12)
  • "Glass Onion: Um Mistério Knives Out" (Estreia em 23/12)

+ Já segue o CineBuzz nas redes sociais? Então não perde tempo!


Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!