CineBuzz
Busca
Facebook CineBuzzTwitter CineBuzzInstagram CineBuzz

Diretora defende que Mulher-Hulk quebrava a 4ª parede "muito antes de 'Fleabag' e 'Deadpool'"

Tatiana Maslany brincou que “Deadpool copiou a She-Hulk!”

ANGELO CORDEIRO | @ANGELOCINEFILO Publicado em 19/08/2022, às 11h36

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Diretora defende que Mulher-Hulk quebrava a 4ª parede "muito antes de 'Fleabag' e "Deadpool'" - Divulgação/Marvel Studios
Diretora defende que Mulher-Hulk quebrava a 4ª parede "muito antes de 'Fleabag' e "Deadpool'" - Divulgação/Marvel Studios

Após a estreia do primeiro episódio de "Mulher-Hulk" no Disney+, não faltaram comparações com "Deadpool" e "Fleabag".

A referência faz sentido, já que ambas as séries utilizam o recurso de quebra da 4ª parede, no entanto, a diretora Kat Coiro fez questão de dizer, durante a coletiva de imprensa global da série, que “She-Hulk estava fazendo isso muito antes dos dois”.

E ela tem razão. A primeira vez em que a heroína conversou com seu público foi em 1989, na primeira edição de "Sensational She-Hulk". Na HQ de John Byrne, ela começa o papo já na capa, dando uma “segunda chance” ao seu leitor. "Se você não comprar meu gibi dessa vez, vou até a sua casa e rasgo todos os seus X-Men", afirma.

O estilo foi se tornando um traço clássico da personagem nas páginas e, por isso mesmo, era essencial para a roteirista e produtora-executiva Jessica Gao levá-lo também para a série.

Foi a fase do John Byrne que fez com que eu me apaixonasse por essa personagem. Sabe, era só tão leve, divertido e novo. Então sempre foi um elemento fundamental”, declarou.

Até chegar no resultado final, Gao e os demais roteiristas fizeram diferentes tentativas. “Foi uma longa jornada, em que nos perguntamos: ‘o quanto ela deve falar com a câmera? Ela está falando com o público ou com outra pessoa, mais dos bastidores? Há outro elemento de metalinguagem?’”, explicou.

Houve um período no roteiro em que, em vez de falar diretamente com a câmera, havia caixinhas de texto, como se fossem notas do editor nos quadrinhos. E ela interagia com essas notas na tela. A gente eventualmente descartou essa ideia, mas, quer dizer, passamos por várias versões sobre como deveríamos fazer isso”, completou Gao.

Tatiana Maslany afirmou que a consciência da heroína sobre o seu público é praticamente seu super-poder. E fez questão de brincar: “Deadpool copiou a She-Hulk!”.


SOBRE "MULHER-HULK"

Os episódios, que terão cerca de 30 minutos cada, irão ao ar toda quinta e mostrarão a personagem representando os membros do Controle de Danos, que roubaram tecnologia Chitauri depois da batalha de Nova York e também auxiliará Wong (Benedict Wong) em um processo contra outro mago. 

A origem de Walters na série será baseada na história da heroína nos quadrinhos. Ela receberá seus poderes após receber uma transfusão de sangue de Bruce Banner (Mark Ruffalo) após um acidente.

A produção é dirigida por Kat Coiro, de “Disque Amiga para Matar”, e também irá atuar como produtora executiva. O elenco ainda contará com Jameela Jamil, de “The Good Place”, como Titânia, e Renée Elise Goldsberry, de "Hamilton".

O Cinebuzz já assistiu aos primeiros episódios da série, e você confere a crítica completa clicando aqui!


Depois de "Mulher-Hulk: Defensora de Heróis", ara qual lançamento da Marvel você está mais ansioso?

  • "Pantera Negra: Wakanda Para Sempre": 10 de novembro de 2022 nos cinemas
  • "Guardiões da Galáxia: Especial de Natal" (Dezembro no Disney+)
  • "What If...?" - 2ª Temporada: Início de 2023 no Disney+
  • "Homem-Formiga e a Vespa: Quantumania": 16 de fevereiro de 2023 nos cinemas
  • "Invasão Secreta": Entre março e junho de 2023 no Disney+
  • Guardiões da Galáxia: Volume 3": 4 de maio de 2023 nos cinemas
  • "Echo": Entre junho e agosto de 2023 no Disney+
  • "As Marvels" (16 de fevereiro de 2023 nos cinemas)
  • "Loki" - 2ª Temporada: Entre junho e agosto de 2023 no Disney+
  • "Blade": 2 de novembro de 2023 nos cinemas
  • "Ironheart": Entre setembro e novembro de 2023 no Disney+
  • "Agatha: Coven of Chaos": Fim de 2023/Início de 2024 no Disney+
  • "Daredevil: Born Again": Entre março e junho de 2024 no Disney+
  • "Capitão América: Nova Ordem Mundial": 2 de maio de 2024 nos cinemas
  • "Thunderbolts": 25 de julho de 2024 nos cinemas
  • "Quarteto Fantástico": 7 de novembro de 2024 nos cinemas
  • "Vingadores: A Dinastia Kang": 1º de maio de 2025 nos cinemas
  • "Vingadores: Guerras Secretas": 6 de novembro de 2025 nos cinemas

+ Já segue o CineBuzz nas redes sociais? Então não perde tempo!


Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!