CineBuzz
Busca
Facebook CineBuzzTwitter CineBuzzInstagram CineBuzz

Mãe de vítima de Jeffrey Dahmer crítica vitória de Evan Peters no Globo de Ouro

Evan Peters venceu na categoria de Melhor Ator em Minissérie ou Telefilme por "Dahmer: Um Canibal Americano"

FERNANDA AZEVEDO | @fenovello Publicado em 12/01/2023, às 20h15 - Atualizado às 20h16

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Mãe de uma das vítima de Jeffrey Dahmer crítica a vitória de Evan Peters no Globo de Ouro - Reprodução: Amy Sussman/Getty Images
Mãe de uma das vítima de Jeffrey Dahmer crítica a vitória de Evan Peters no Globo de Ouro - Reprodução: Amy Sussman/Getty Images

Na última terça-feira (10), ocorreu em Los Angeles, na Califórnia, o Globo de Ouro 2023, tendo Evan Peters ("American Horror Story") vencido na categoria de Melhor Ator em Minissérie ou Telefilme por "Dahmer: Um Canibal Americano". A vitória causou revolta em Shirley Hughes, mãe de uma das vítimas do serial killer.

Seu filho, Tony Hughes, foi uma entre as dezessete vítimas que Dahmer assassinou entre 1978 e 1991, tendo Shirley criticado a decisão da Associação de Imprensa Estrangeira de Hollywood ter concedido ao ator um prêmio.

"Há muitas pessoas doentes ao redor o mundo", disse ela ao TMZ logo após a cerimônia. "E as pessoas que ganham papéis de assassinos mantêm essa obsessão viva, e isso faz com que as pessoas doentes prosperem com a fama.", disse.

Hughes disse que Peters deveria ter prestado homenagem às vítimas durante seu discurso de aceitação, ou pelo menos mencionado suas famílias, que estão de luto até hoje, informou o veículo de imprensa. Ela também crescentou que ele também poderia ter usado o momento para dizer à Hollywood parar de glorificar os assassinos em série, colocando-os na tela.

"É uma pena que as pessoas possam pegar nossa tragédia e ganhar dinheiro", disse Hughes. "As vítimas nunca viram um centavo. Passamos por essas emoções todos os dias.", revelou.

Peters não mencionou as vítimas ou suas famílias durante seu discurso, no qual agradeceu a várias pessoas, incluindo sua própria família e amigos, o elenco, a equipe do programa e o criador da produção, Ryan Murphy ("Glee"). No final, ele acrescentou: "Espero sinceramente que algo de bom tenha saído [do show]."

Hughes condenou anteriormente a série da Netflix e a representação dela e de seu filho em outubro, dizendo ao The Guardian que, embora ela não tivesse visto a série completa, "não tinha acontecido daquela forma". 

SOBRE "DAHMER: O CANIBAL AMERICANO"

Estrelada por Evan Peters, o ator interpreta o assassino em série, Jeffrey Dahmer, que entre os anos de 1978 e 1991, assassinou 17 homens e garotos. 

Contendo 10 episódios, a produção irá analisa os terríveis crimes cometidos pelo serial killer e os problemas sistêmicos que permitiram que um dos maiores assassinos em série dos Estados Unidos continuasse agindo com total impunidade ao longo de mais de uma década. Chocando o país pelos métodos cruéis e brutais que utilizava contra suas vítimas.

"Dahmer: O Canibal Americano" conta ainda com Richard Jenkins ("Six Feet Under") e Penelope Ann Miller ("Os Mensageiros")  interpretando, respectivamente, o pai e a mãe de Jeffrey Dahmer. Ryan Murphy ("American Horror Story") e Ian Brennan ("The Politician") são os cocriadores do projeto. 

Considerado um dos queridinhos de Ryan Murphy, a minissérie é o terceiro projeto em que o produtore Peters trabalham juntos, tendo anteriormente se encontrado em "American Horror Story" – onde participou de inúmeras temporadas – e 'Pose".


Para qual lançamento de 2023 você está mais ansioso? Vote em seu filme favorito!

  • "Homem-Formiga e a Vespa: Quantumania" (16 de fevereiro)
  • "A Baleia" (23 de fevereiro)
  • "Pânico VI" (9 de março)
  • "Shazam! Fúria dos Deuses" (16 de março)
  • "John Wick 4: Baba Yaga" (23 de março)
  • "Super Mario Bros. O Filme" (30 de março)
  • "Dungeons & Dragons: Honra Entre Rebeldes" (13 de abril)
  • "Guardiões da Galáxia: Volume 3" (4 de maio)
  • "Velozes & Furiosos 10" (18 de maio)
  • "A Pequena Sereia" (25 de maio)
  • "Homem-Aranha: Através do Aranhaverso" (1º de junho)
  • "The Flash" (16 de junho)
  • "Indiana Jones e o Chamado do Destino" (29 de junho)
  • "Missão Impossível: Acerto de Contas - Parte 1" (13 de julho)
  • "Barbie" (20 de julho)
  • "Oppenheimer" (20 de julho)
  • "Besouro Azul" (17 de agosto)
  • "As Marvels" (27 de julho)
  • "Jogos Vorazes: A Cantiga dos Pássaros e das Serpentes" (16 de novembro)
  • "Aquaman e o Reino Perdido" (21 de dezembro)

+ Já segue o CineBuzz nas redes sociais? Então não perde tempo!


Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!