CineBuzz

"Peaky Blinders": Cillian Murphy ainda não acredita no fim da série

Intérprete de Tommy Shelby revelou que o trabalho de 10 anos da sua vida foi uma grande aventura

Thamyris Couto| @thamy_couto Publicado em 21/02/2022, às 11h58 - Atualizado às 12h24

"Peaky Blinders": Cillian Murphy ainda não acredita no fim da série - Divulgação/Netflix
"Peaky Blinders": Cillian Murphy ainda não acredita no fim da série - Divulgação/Netflix

A sexta e última temporada de "Peaky Blinders" chega no final deste mês na BBC do Reino Unido, e o ator Cillian Murphy não poderia deixar de dar seu depoimento sobre o fim de uma série que ganhou o coração de milhares de pessoas, em especial com sua atuação como Tommy Shelby.

Apesar de toda esta emoção, o ator revelou durante sua conversa com o The Guardian, que ainda não acredita que acabou. Embora tenha dito estar feliz com o fim do trabalho exaustivo em se tornar Tommy, Murphy ainda se mostou muito apegado a produção. 

"É estranho falar sobre isso. Não tenho muita noção ainda. Talvez quando acabar eu tenha alguma perspectiva. É o fim de 10 anos da minha vida; uma grande aventura com muitos colegas e pessoas de quem me torneu muito próximo", explicou o astro.

Sobre as preparações, antes de entrar para gravar, Cillian informou que “eu faço todo o trabalho antes de chegar ao set”. "Mas essa coisa de método realmente não faz sentido para mim. Trata-se de uma série de pequenas decisões e processos, que esperamos somar o desempenho que você deseja. Por um lado, 'Peaky Blinders' significa não mais o trabalho “exaustivo” para se tornar Tommy, o sotaque imaculado de Birmingham e as sessões de ginástica e proteínas e, segundo sua estimativa, 3.000 cigarros de ervas falsos por série", continuou explicando.

"Mas é também o fim de uma parte duradoura que se alojou no firmamento britânico. O público não gosta apenas de 'Peaky Blinders', eles adoram: por sua estranheza, sua arrogância, sua evocação do complicado período entre guerras na história britânica através do prisma de uma cidade, Birmingham, que é muitas vezes esquecida", finalizou.

A trama dos capítulos finais será ambientada durante e após a Segunda Guerra Mundial, e Tommy continuará sua guerra contra o político fascista Oswald Mosley (interpretado por Sam Claflin), além de cruzar caminhos com um novo personagem misterioso vivido por Stephen Graham ("Boiling Point").

Segundo o criador da série Steven Knight, que não é muito fã do termo "spin-offs", "Peaky Blinders" pode ganhar sim novas narrativas. Apesar disso, já sabemos que sua jornada se encerrará definitivamente após a série, em um filme que seguirá os eventos de seu sexto ano. 

As cinco temporadas anteriores seguem disponíveis na Netflix, mas sua sexta ainda não tem data de estreia definida.