CineBuzz
Busca
Facebook CineBuzzTwitter CineBuzzInstagram CineBuzz
Cinema / LUTO

Erasmo Carlos teve breve, mas premiada carreira como ator

Um dos grandes nomes da música brasileira, artista morreu aos 81 anos nesta terça-feira (22)

Henrique Carvalho-Nascimento | @hc_nascimento Publicado em 22/11/2022, às 17h15 - Atualizado às 18h00

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Erasmo Carlos em "Paraíso Perdido", longa de 2018 dirigido por Monique Gardenberg e estrelado por Jaloo, Malu Galli e Humberto Carrão - Divulgação
Erasmo Carlos em "Paraíso Perdido", longa de 2018 dirigido por Monique Gardenberg e estrelado por Jaloo, Malu Galli e Humberto Carrão - Divulgação

Erasmo Carlos morreu nesta terça-feira (22) aos 81 anos de idade. Além de ser um dos grandes nomes da música brasileira, o cantor também teve uma breve carreira no cinema e até foi premiado por um de seus filmes.

O artista esteve em "Roberto Carlos e o Diamante Cor-de-Rosa", de 1968, e "Roberto Carlos a 300 Quilômetros Por Hora", de 1971, ambos com o amigo de longa data e um dos líderes do movimento Jovem Guarda, que deu a Erasmo o apelido de "Tremendão".

No ano seguinte, em 1972, Erasmo esteve em "Os Machões", pelo qual ganhou o Troféu APCA (Associação Paulista de Críticos Teatrais) de Melhor Coadjuvante Masculino. Por fim, em 1984, Erasmo participou do longa "O Cavalinho Azul", antes de dar uma longa pausa na atuação.

O cantor voltou a atuar apenas em 2018, no longa "Paraíso Perdido", de Monique Gardenberg, em que interpretou o dono de uma boate. Erasmo atuou ao lado de grandes nomes do cinema nacional, como Malu GalliHumberto CarrãoMarjorie Estiano, além do cantor Jaloo.

Por fim, o último papel de Erasmo Carlos foi como avô de Larissa Manoela em "Modo Avião", da Netflix. Em suas redes sociais, a atriz homenageou o cantor após saber de sua morte: "Ver nossas fotos me traz muita saudade! Lembranças maravilhosas. Obrigada por tanto! Nossa troca foi muito especial para mim, meu avô Germano", escreveu a atriz. Confira:

Morte de Erasmo Carlos

Erasmo Carlos estava internado no hospital Barra D'Or, na Zona Oeste do Rio de Janeiro e, na última segunda-feira (21), precisou ser entubado às pressas. A morte foi confirmada no início da tarde desta terça-feira (22).

De acordo com o G1, o artista já havia sido internado por duas semanas no mês passado para realizar exames e tratar uma síndrome edemigênica, doença causada por problemas cardíacos, renais ou nos vasos sanguíneos. No início de novembro, ele celebrou a saída do hospital:

“Ressuscitei no Dia de Finados e tive alta do hospital! Obrigado a Deus, a todos que cuidaram de mim, rezaram por mim e torceram pela minha recuperação… Essa foto com a Fernanda traduz como estamos felizes”, escreveu o cantor em suas redes sociais:

Erasmo deixa a esposa, Fernanda Passos, com quem se casou em 2019, e dois filhos, Gil e Leonardo, do casamento com Sandra Sayonara Saião Lobato Esteves, conhecida como Narinha. Em 2014, ele havia perdido um filho, Alexandre, que teve morte cerebral após um acidente de moto.


Qual foi o melhor filme de super-heróis de 2022? Vote no seu favorito!

  • "Morbius"
  • "The Batman"
  • "Doutor Estranho no Multiverso da Loucura"
  • "DC Liga dos Superpets"
  • "Thor: Amor e Trovão":
  • "Adão Negro"
  • "Pantera Negra: Wakanda Para Sempre"

+ Já segue o CineBuzz nas redes sociais? Então não perde tempo!


Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!