CineBuzz
Busca
Facebook CineBuzzTwitter CineBuzzInstagram CineBuzz
Curiosidades / MAIOR VENCEDORA

Katharine Hepburn é a maior atriz do Oscar e aqui estão os porquês

Katharine é a recordista absoluta de prêmios de atuação até os dias atuais

ANGELO CORDEIRO | @ANGELOCINEFILO Publicado em 07/03/2023, às 14h05 - Atualizado em 12/03/2023, às 10h00

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Katharine Hepburn é a maior atriz do Oscar e aqui estão os porquês - Reprodução/Columbia Pictures
Katharine Hepburn é a maior atriz do Oscar e aqui estão os porquês - Reprodução/Columbia Pictures

Ao longo de 94 edições, a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood já premiou 77 intérpretes com o Oscar de Melhor Atriz. E, até hoje, ninguém - dentre homens e mulheres - ganhou tantas estatuetas quanto Katharine Hepburn, recordista absoluta com 4 vitórias entre doze indicações.

Hepburn detém o recorde desde 1982, quando venceu seu quarto prêmio como Melhor Atriz, por "Num Lago Dourado". Além de maior vencedora dentre os atores, outro fato que impressiona é que as doze indicações da atriz são todas na categoria principal, nunca como coadjuvante.

Vida e carreira

Nascida em 12 de maio de 1907, em Connecticut, nos Estados Unidos, Katharine sempre foi diferente. Quando criança, ela criou para si uma persona masculina, batizada de Jimmy, e pedia à família que a tratasse dessa forma.

No início dos anos 1930, Katharine fez sucesso nos palcos da Broadway e logo partiu para Hollywood. Estreou nas telonas em "Vítimas do Divórcio", filme que lhe rendeu um contrato com o prestigiado estúdio RKO.

Considerada "masculina demais" para os padrões de Hollywood da época, Katharine era conhecida por usar calças e se recusava a usar vestidos e maquiagem quando não estava atuando. Em 1933, a revista Movie Classics chegou a publicar um artigo intitulado “Vão existir calças para mulheres?” devido à polêmica.

Feitos no Oscar

Em 1934, aos 26 anos, ela recebeu sua primeira indicação ao Oscar e já saiu vencedora. No entanto, avessa às tradições hollywoodianas, Katharine não compareceu à cerimônia. E o mesmo se repetiu a cada nova indicação. Foram quatro estatuetas conquistadas e nenhum discurso por parte da atriz.

Nas décadas de 1950 e 1960, diminuiu o ritmo de trabalho, mas ainda assim conseguiu o feito de vencer dois Oscares em anos consecutivos, por "Adivinhe Quem Vem Para Jantar", em 1968, e por "O Leão no Inverno", em 1969. Neste último, Katharine empatou em número de votos com Barbra Streisand na categoria e as duas levaram estatuetas para casa.

Com o passar dos anos, a idade avançada fez com que Katharine reduzisse seus papéis a personagens secundários. Tempo suficiente para vencer seu quarto e último Oscar, pelo filme "Num Lago Dourado", em 1982.

Sobre a categoria de Melhor Atriz

  • A categoria de Melhor Atriz existe desde a primeira cerimônia, em 1929, mas nos primeiros dois anos consagrava todos os trabalhos de uma atriz no respectivo ano.
  • Na terceira cerimônia, a regra mudou, com apenas um dos filmes citado no prêmio final, embora com mais de um filme para representar a atriz indicada.
  • Finalmente, a partir da quarta cerimônia, em 1931, o atual sistema entrou em vigência, de que é a interpretação em um determinado filme de condiciona cada atriz à nomeação.
  • Até a oitava cerimônia, em 1936, o prêmio destinava-se a todas as atrizes - principais e coadjuantes. Somente a partir da nona cerimônia, em 1937, a categoria se dividiu entre Atriz Principal e Atriz Coadjuvante, o que se mantém até hoje.
  • Meryl Streep é recordista em indicações ao Oscar de Melhor Atriz, com 17 nomeações, além de outras quatro como Atriz Coadjuvante.
  • Jessica Tandy foi a atriz mais velha a vencer a categoria, ganhando aos 80 anos por "Conduzindo Miss Daisy", enquanto Marlee Matlin foi a mais jovem de todas, conquistando a estatueta aos 21 anos por "Filhos do Silêncio".

O Oscar 2023 está vindo aí! Para quem vai a sua torcida na categoria de Melhor Atriz?

  • Cate Blanchett, "Tár"
  • Ana de Armas, "Blonde"
  • Andrea Riseborough, "To Leslie"
  • Michelle Williams, "Os Fabelmans"
  • Michelle Yeoh, "Tudo em Todo o Lugar ao Mesmo Tempo"

Já segue o CineBuzz nas redes sociais? Então não perde tempo!


Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!