CineBuzz
Cinema / OSCAR 2022

Jada Pinkett-Smith se pronuncia pela primeira vez após soco de Will Smith em Chris Rock

Ocorrido do Oscar também foi comentado pelo pai de Serena e Venus Williams

Thamyris Couto| @thamy_couto Publicado em 30/03/2022, às 10h30 - Atualizado às 11h05

Jada Pinkett-Smith se pronuncia pela primeira vez após soco de Will Smith em Chris Rock - Divulgação/Getty Images: Photo by David Livingston
Jada Pinkett-Smith se pronuncia pela primeira vez após soco de Will Smith em Chris Rock - Divulgação/Getty Images: Photo by David Livingston

O soco dado por Will Smith ("King Richard") em Chris Rock ("Gente Grande") no Oscar 2022 ainda está rendendo entre os famosos, mesmo três dias depois. Após muitos artistas se posicionarem contra ou a favor do vencedor do Oscar de "Melhor Ator", Jada Pinkett-Smith ("Matrix: Resurrections") fez as vezes de emitir sua opinião, já que quem sofreu com a "brincadeira" do comediante foi ela.

Durante a 94ª cerimônia do Oscar, que aconteceu na noite do último domingo (27), em Los Angeles, nos Estados Unidos, Smith deu um tapa na cara do humorista Rock após ele fazer um comentário desagradável em relação a cabeça raspada se sua esposa, Jada.

Durante seu discurso, Rock “brincou” sobre a atriz ter a chance de participar de “G.I. Jane 2” por ter o cabelo curto, já sofre de uma doença chamada Alopecia, uma condição em que ocorre perda de cabelo ou de pelo em qualquer parte do corpo. O momento da agressão deixou todos os convidados chocados e ele retornou para seu local. “O Will Smith acabou de enfiar a mão na minha cara”, disse Chris"Nunca mais fale da minha esposa de novo", rebateu Smith.

Sobre o ocorrido, Jada disse que "este é um tempo nde cura, e eu estou aqui para isso", em uma postagem feita na sua conta oficial do Instagram, Veja:

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Jada Pinkett Smith (@jadapinkettsmith)

 

Richard Williams, pai de Serena e Venus Williams, também se posicionou sobre o que ocorreu. "Nós não sabemos os detalhes do que aconteceu. Mas nós não condenamos ninguém que bate em alguém a menos que seja por defesa pessoal", disse o porta voz da persona que inspirou o filme "King Richard" ao NBC News.

Por fim, a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas também mostou sua decisão e confirmou que: "A Academia condena as ações do Smith no cerimônia da noite passada", disse um porta-voz da organização à Variety. “Iniciamos oficialmente uma revisão formal em torno do incidente e exploraremos outras ações e consequências de acordo com nossos Estatutos, Padrões de Conduta e a lei da Califórnia".