CineBuzz
Busca
Facebook CineBuzzTwitter CineBuzzInstagram CineBuzz
Streaming / UAU!

Séries da Disney serão exibidas no Prime Video após acordo de licenciamento

Atitude inédita da Disney visa reconquistar mercado e novos clientes após registrar queda de assinaturas

Paulo Marinho | @_SENHORMARINHO Publicado em 25/09/2023, às 16h00 - Atualizado às 16h15

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Séries da Disney serão exibidas no Prime Video após acordo de licenciamento - Reprodução/Disney/Prime Video
Séries da Disney serão exibidas no Prime Video após acordo de licenciamento - Reprodução/Disney/Prime Video

Com o objetivo de combater a queda de assinantes e alavancar os lucros de seus serviços de streaming, a Disney decidiu licenciar alguns de seus títulos para uma plataforma concorrente, explorando o modelo tradicional de negócios de TV.

Após sua entrada no ramo, a empresa vem focando na exclusividade de seu conteúdo, reservando o espaço de seu catálogo apenas para produções de seus próprios estúdios ou de acordos fechados. Agora, o Prime Video, da Amazon, receberá alguns dos seriados removidos do Disney+ e Star+, além de longas-metragens e outros materiais.

Desde o mês passado, diversos filmes e séries começaram a receber atualizações no sistema do Prime Video. “Grey’s Anatomy”, “How I Met Your Mother”, “Snowfall” e muitos outros são algumas das produções que ganharam sinopses e classificação indicativa.

Até o momento, algumas séries de propriedade da The Walt Disney Company já estão com a mensagem “em breve”. O perfil no Twitter, Helisson Medeiros, relatou que “Criminal Minds”, “Revenge”, “Bones” e “Arquivo X” são alguns dos títulos encontrados até agora.

Durante um evento para investidores, o CEO da empresa, Bob Iger revelou que as principais franquias: Marvel, Star Wars, Pixar e Disney, permanecerão exclusivas em seus streamings, o que não deve favorecer o envio de filmes e séries originais para plataformas concorrentes.

SATURAÇÃO DO MERCADO DE STREAMINGS

Recentemente, a Warner Bros. oficializou um contrato com a Netflix, licenciando algumas de suas produções para transmissão na plataforma concorrente. A abordagem da empresa havia sido avaliada pelo Cinebuzz como um ato potencial de transformação na indústria de plataformas de streaming, pois além de continuarem disponíveis em seu catálogo oficial, suas obras também entrariam para os serviços rivais gerando mais lucros e monetização de seu portfolio audiovisual.

Outro resultado positivo que a decisão traz para o mercado e para os assinantes, é a de barrar a saturação do mercado de streamings. Segundo a BB Media, por exemplo, existem mais de 60 plataformas em solo brasileiro, muitas delas pouco conhecidas pelo público, algo que pode significar a diminuição ou ausência de crescimento no número de clientes em potencial.

Para qual lançamento de 2023 você está mais ansioso? Vote em seu filme favorito!

  • "As Tartarugas Ninja: Caos Mutante" (31 de agosto)
  • "A Freira 2" (7 de setembro)
  • "A Noite das Bruxas" (14 de setembro)
  • "Som da Liberdade" (21 de setembro)
  • "Jogos Mortais X" (28 de setembro)
  • "Assassinos da Lua das Flores" (19 de outubro)
  • "Duna: Parte" (2 de novembro)
  • "As Marvels" (10 de novembro)
  • "Jogos Vorazes: A Cantiga dos Pássaros e das Serpentes" (16 de novembro)
  • "Aquaman e o Reino Perdido" (21 de dezembro)
  • "Rebel Moon" (22 de dezembro)

Já segue o CineBuzz nas redes sociais? Então não perde tempo!


Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!