CineBuzz
Facebook CineBuzzTwitter CineBuzzInstagram CineBuzz

"Pacto Brutal": Qual é a situação judicial de Guilherme de Pádua após o assassinato de Daniella Perez?

Ator foi acusado de matar Daniella Perez, em 1992, e abandonar o corpo da atriz em um matagal no Rio de Janeiro

Thamyris Couto| @thamy_couto Publicado em 28/07/2022, às 14h55

"Pacto Brutal": Qual é a situação judicial de Guilherme de Pádua após o assassinato de Daniella Perez? - Reprodução
"Pacto Brutal": Qual é a situação judicial de Guilherme de Pádua após o assassinato de Daniella Perez? - Reprodução

Após a chegada de "Pacto Brutal: O Assassinato de Daniella Perez" no HBO Max, o documentário que trouxe à tona, 30 anos depois, o caso que parou o Brasil, os nomes de Guilherme de Páduae Paula Thomaz ficaram em evidência novamente, mesmo que de forma negativa. Livres após cumprirem seis anos de pena, a liberdade gerou uma dúvida: como ficou a situação judicial do casal condenado por matar a atriz Daniella Perez?

De acordo com o Notícias da TV, ambos têm a ficha de antecedentes criminais limpa, sem qualquer menção à morte da atriz em 1992. Guilherme e Paula levam vidas comuns, apesar de já não serem mais casados, e apenas a Justiça e a polícia conseguem ter acesso ao arquivo completo em que estão descritos os trâmites do crime brutal.

Ao veículo, o advogado Matheus Falivene explicou este processo judicial que objetiva uma reabilitação criminal, um benefício jurídico criado com o intuito de colocar o condenado em sua situação anterior à sentença. O Código Penal prevê ao condenado o sigilo dos registros sobre o seu processo. Nos dias de hoje, o Tribunal de Justiça ainda permite que o processo seja realizado mediante o preenchimento de alguns documentos.

"Depois de dois anos determinada a pena, se a pessoa tiver bom comportamento público e privado, ela pode requerer a chamada reabilitação criminal. Se puxar uma certidão em nome da pessoa vai aparecer sem nenhum processo, isso porque a pessoa foi reabilitada criminalmente", explicou Falivene.

"Aquela certidão que você pede geralmente no site do Tribunal de Justiça, ela sai como se o indivíduo não tivesse cometido nenhum crime. No sistema do tribunal também não aparece nada. Porém, caso seja solicitada uma certidão por juiz para um processo criminal, aí vão aparecer todos os registros. O registro não some, não sai nem do sistema da polícia", completou o advogado.

De Pádua e Thomaz foram julgados em 1997, cinco anos após a morte da filha de Gloria Perez. Ambos foram condenados a 19 anos de prisão por homicídio qualificado, mas cumpriram apenas seis. Eles permaneceram em cárcere até 1999, quando ganharam liberdade condicional por bom comportamento.

SOBRE "PACTO BRUTAL"

"Pacto Brutal" mostra como Daniella Perez foi morta no dia 28 de dezembro de 1992, em um caso que parou o Brasil. Na época, ela estava no auge de sua carreira e justamente na novela do horário nobre, em que formava um par romântico com Guilherme de Pádua - o autor do crime-, seus problemas começaram. Ao longo dos depoimentos que complementam o documentário do HBO Max, trabalhadores dos estúdios onde "De Corpo e Alma" era gravada revelaram que o ator perseguia Daniella constantemente.

Ainda existem especulações de que ele estava preocupado com o fim do romance entre seus personagens apagar sua carreira de ator, sendo esta então a explicação para as ligações e tentativas de contato incessantes com a filha de Glória Perez, e futuramente sua morte.

O corpo de Daniella foi encontrado em um terreno baldio, no Rio de Janeiro, com as feridas causadas por tesoura. Ao todo, a perícia totalizou 18 apunhaladas. Guilherme e Paula foram condenado a 16 e 19 anos de prisão, respectivamente, em 1997, mas tiveram a pena reduzida para 6 anos.

Dirigido por Tatiana Issa e Guto Barra, "Pacto Brutal" ainda traz depimentos de Raul Gazolla, viúvo de DaniellaMaurício MattarClaudia RaiaFábio AssunçãoCristiana Oliveira e Eri JohnsonMarieta Severo, a jornalista Glória Maria e de alguns membros da família Perez.

Todos os episódios de "Pacto Brutal" já estão disponíveis no catálogo do HBO Max.


Leia mais sobre "Pacto Brutal: O Assassinato de Daniella Perez":


Para qual lançamento da Marvel você está mais ansioso?

  • "Eu Sou Groot": 10 de agosto de 2022 no Disney+
  • "Mulher-Hulk: Defensora de Heróis": 17 de agosto de 2022 no Disney+
  • "Pantera Negra: Wakanda Para Sempre": 10 de novembro de 2022 nos cinemas
  • "Guardiões da Galáxia: Especial de Natal" (Dezembro no Disney+)
  • "What If...?" - 2ª Temporada: Início de 2023 no Disney+
  • "Homem-Formiga e a Vespa: Quantumania": 16 de fevereiro de 2023 nos cinemas
  • "Invasão Secreta": Entre março e junho de 2023 no Disney+
  • Guardiões da Galáxia: Volume 3": 4 de maio de 2023 nos cinemas
  • "Echo": Entre junho e agosto de 2023 no Disney+
  • "As Marvels" (16 de fevereiro de 2023 nos cinemas)
  • "Loki" - 2ª Temporada: Entre junho e agosto de 2023 no Disney+
  • "Blade": 2 de novembro de 2023 nos cinemas
  • "Ironheart": Entre setembro e novembro de 2023 no Disney+
  • "Agatha: Coven of Chaos": Fim de 2023/Início de 2024 no Disney+
  • "Daredevil: Born Again": Entre março e junho de 2024 no Disney+
  • "Capitão América: Nova Ordem Mundial": 2 de maio de 2024 nos cinemas
  • "Thunderbolts": 25 de julho de 2024 nos cinemas
  • "Quarteto Fantástico": 7 de novembro de 2024 nos cinemas
  • "Vingadores: A Dinastia Kang": 1º de maio de 2025 nos cinemas
  • "Vingadores: Guerras Secretas": 6 de novembro de 2025 nos cinemas

+ Já segue o CineBuzz nas redes sociais? Então não perde tempo!