CineBuzz
Busca
Facebook CineBuzzTwitter CineBuzzInstagram CineBuzz
Famosos / MORTE

Morre Guilherme de Pádua, assassino de Daniella Perez, aos 53 anos

História do crime, que chocou a população brasileira na década de 1990, foi recontada na série documental "Pacto Brutal: O Assassinato de Daniela Perez"

Henrique Carvalho-Nascimento | @hc_nascimento Publicado em 07/11/2022, às 01h00 - Atualizado às 07h45

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Morre Guilherme de Pádua, assassino de Daniella Perez, aos 53 anos - Reprodução/Instagram
Morre Guilherme de Pádua, assassino de Daniella Perez, aos 53 anos - Reprodução/Instagram

Guilherme de Pádua, ex-ator e pastor de igreja evangélica, condenado pelo assassinato de Daniella Perez, morreu aos 53 anos no último domingo (6). A notícia foi dada pelo também pastor Márcio Valadão, durante uma live em suas redes sociais.

Segundo o religioso, Pádua teria sido vítima de um infarto em sua casa, em Belo Horizonte, e morrido instantaneamenta. "Ele dentro de casa, agora, caiu e morreu. Morreu agora, agorinha! Agorinha", disse o pastor da Igreja Batista da Lagoinha ao anunciar o falecimento do ex-ator.

Nos últimos meses, o nome de Guilherme de Pádua voltou a ficar em evidência por conta do lançamento da série documental "Pacto Brutal: O Assassinato de Daniella Perez", que reviveu o terrível crime contra a filha da autora Glória Perez, que chocou o Brasil na década de 1990.

Em 28 de dezembro de 1992, Guilherme de Pádua, colega de elenco de Daniella na novela "De Corpo e Alma", emboscou a atriz e, com a ajuda da então esposa, Paula Nogueira Thomaz, matou a intérprete de Yasmin com diversas punhaladas, antes de abandonar o corpo em um matagal na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro.

Na época, ela estava no auge de sua carreira e justamente na novela do horário nobre, em que formava um par romântico com Guilherme, seus problemas começaram. Na série, conhecemos o passado do ex-ator, a obsessão que ele tinha em ser famoso e as perseguições a Daniella, que resultaram no crime.

O corpo de Daniella foi encontrado em um terreno baldio, no Rio de Janeiro, com as feridas causadas por tesoura. Ao todo, a perícia totalizou 18 apunhaladas. Guilhereme e Paula foram condenado a 16 e 19 anos de prisão, respectivamente, em 1997, mas tiveram a pena reduzida para seis anos.

Dirigido por Tatiana Issa e Guto Barra, "Pacto Brutal: O Assassinato de Daniella Perez" traz depimentos de Gloria Perez, Raul Gazolla, viúvo de DaniellaMaurício MattarClaudia RaiaFábio AssunçãoCristiana Oliveira e Eri JohnsonMarieta Severo, a jornalista Glória Maria e de alguns membros da família Perez.


Leia mais sobre "Pacto Brutal: O Assassinato de Daniella Perez":


E lá se foi metade do ano... Até agora, qual foi o melhor filme de 2022?

  • "O Beco do Pesadelo"
  • "Spencer"
  • "Morte no Nilo"
  • "Uncharted"
  • "Licorice Pizza"
  • "The Batman"
  • "Sonic 2: O Filme"
  • "Medida Provisória"
  • "Animais Fantásticos: Os Segredos de Dumbledore"
  • "Doutor Estranho no Multiverso da Loucura"
  • "O Homem do Norte"
  • "O Peso do Talento"
  • "Top Gun: Maverick"
  • "Jurassic World: Domínio"
  • "Lightyear"
  • "Tudo em Todo o Lugar ao Mesmo Tempo"

+ Já segue o CineBuzz nas redes sociais? Então não perde tempo!


Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!